“Faz-se necessário distribuir a responsabilidade dos problemas que ele “supostamente não enxergou” com os seus sucessores”

mikhailFazendo uma análise crítica e responsável sobre a Serra Negra, como um todo, cheguei a conclusão de que o que se cultua como desenvolvimento turístico e econômico para a mesma, não passa de mero proselitismo e irresponsabilidades para com um espaço tão importante para o município.

Há pouco mais de uma década, o ex-prefeito Lucas Cardoso (in memorian) teve uma ideia “brilhante”: tornar a Serra Negra um potencial pólo turístico de nossa cidade. A ideia teria sido, de fato brilhante (sem as aspas), se o mesmo e sua equipe de governo tivessem tido o zelo e a devida precaução de delimitar alguns quesitos básicos que trariam inúmeros problemas a posteriori, no caso: nos dias atuais. Mas não quero culpabilizar apenas o erro tático do “visionário” ex prefeito. Faz-se necessário distribuir a responsabilidade dos problemas que ele “supostamente não enxergou” com os seus sucessores: Marcone Borba, Bete Lima e o atual gestor, Severino Otávio (Branquinho para os íntimos). Problemas de ordem diversos, como: o não desenvolvimento de um turismo local, que viesse a priorizar os rendimentos para os nativos, bem como a permanência dos mesmos no local; a permissividade de especulação imobiliária desenfreada, elitizando o distrito e o tornando cada vez menos habitado durante a semana; a não criação de uma espécie de código de conduta para que se mantenha o respeito dos costumes e tradições dos nativos restantes (que aliás, é uma crítica de muitos nativos, que se calam diante do poderio econômico-financeiro de muitos veranistas e exploradores da comunidade); ausência de fiscalizações nas estradas que ligam o distrito de Serra Negra ao de Boqueirão, e que frequentemente aparecem com abusos por parte de seus novos proprietários, como: impedir a passagem através de uma estrada pública com uma porteira, com dizeres do tipo “propriedade particular/ Proibida a entrada sem permissão” (Não sabia que para me deslocar de um distrito para outro teria de pedir permissão a alguém); o não fomento a políticas que possam fazer com que os apicultores da região possam ter a garantia de uma produção de qualidade e com segurança, uma vez que o crescimento sem limites de construções na comunidade compromete diretamente a produção de mel; e outros, que tanto primam pela “nova população de Serra Negra (Veranistas e elite bezerrense)” e destratam os que de fato e de direito fizeram a Serra ser Serra: os nativos.

E, como não ter saudosismo da época em que a Serra não precisava de um trailler da PM para garantir segurança. época onde não se tinha medo de dormir com a porta de casa aberta.

Nem sempre o desenvolvimento traz benesses. Mas, se for no mínimo planejado com cautela (propedeuticamente) e não seguir terapias, podemos mitigar e muito consequências indesejadas.

Mikhail Gorbachiov
Share

“Infelizmente estamos vivendo mais um joguinho de cena entre o legislativo e o executivo desta nação”

carlosInfelizmente estamos vivendo mais um joguinho de cena entre o legislativo e o executivo desta nação…”deitado eternamente em berço esplêndido”…de um lado o Eduardo Cunha dizendo que deu seguimento ao processo de impeachment da Dilma mas na realidade isso é para forçar a bancada dos deputados petistas a votarem contra sua cassação… Tudo uma moeda de troca…vão livrar o Eduardo e em contrapartida o Edu segurará o impeachment da presidente.
E nós brasileiros esperançosos pelo “Brasil florão das Américas”…continuamos a assistir tudo isso…dentre tantas outras…sem fazer nada…
E a mudança já poderia começar no próximo ano…pelo próprio município…mas nós somos tão covardes e tão pequenos que dependemos das escórias do poder públicos que são maiores do que nós todos juntos e os reconduziremos aos poderes para representar uma nação de bananas…que pena…ainda espero por um dia poder dizer em alto e bom som: “ouviram do Ipiranga as margens plácidas de um povo heroico o brado retumbante”…….quero um brado retumbante de liberdade…liberdade de tanta nojeira…de tanto marasmo…de tanta hipocrisia…onde o safado se sobrepõe ao honesto…onde o justo é refém de um sistema nocivo ao coletivo para privilegiar uma casta de bandidos que disseminaram em nossas instituições…e aí ninguém percebe que agora estão dando ênfase ao combate da “dengue” como forma de tirar o foco para os bandidos…os ladrões da nação. Sei que no grupo poucos leem ou dão atenção a textos tão longos…mas infelizmente esse é o nosso País…precisamos insistir por ele….por nós.

Por Carlos Oliveira (P. O)

Share

“o último verão, alertei para a infecção viral ZIKA,transmitida também pelo mosquito da dengue, a que os infectologistas garantiram não ser letal como a dengue hemorrágica”

Excelentíssimo Senhor Redator e Formador de Opinião do Jornal Bezerros Hoje-PE.

zika virus

Senhor Redator,  Sendo um defensor incansável, da Saúde Pública desse país,posso parecer repetitivo,redundante,e até mesmo incômodo à mídia falando diuturnamente das febres ressurgentes e emergentes vivenciadas por nós. .Em se tratando de prestar gratuitamente, dentro da minha especialidade,orientação sanitária,continuarei a me repetir para não pecar por omissão sanitária,como fazem muitos há anos, por esta época, envio à mídia local e nacional alertas sobre o mosquito da dengue e da malária com os respectivos aconselhamentos apiterápicos contra a parasitemia malárica e os sorotipos virais da dengue,sem me importar com a cerrada crítica dos céticos. No último verão, alertei para a infecção viral ZIKA,transmitida também pelo mosquito da dengue, a que os infectologistas garantiram não ser letal como a dengue hemorrágica. Acontece porém,que esta infecção,ainda não muito estudada, está sendo considerada como fato desencadeador da microcefalia que acomete recém-nascidos. Não é fatal mas sequela os recém nascidos com retardo mental. O mosquito Aedes precisa ser controlado.Este mísero inseto pode detonar um país.Mesmo vivendo uma medicina altamente evoluída e “nada mercenária”, ainda somos reféns de patologias ressurgentes como a dengue e a malária e também das emergentes como Chycungunia, Zika Esta última,esta sob suspeita de ser um dos fatores desencadeadores da Microcefalia, doença que acomete recém-nascidos. Estamos todos correndo o risco de adoecermos e até mesmo morrermos destas infecções..Isso se delas não cuidarmos.Nossas autoridades em saúde afirmam de forma categórica e inarredável, não haver tratamento atual e imediato na profilaxia e na radicalização destas infecções. Existe sim e se faz necessário, com a máxima urgência, que os nossos Doutores Cientistas graduados nas melhores universidades do mundo, reformulem seus conceitos sobre afirmações que já não condizem com a atual realidade sanitária. Por mais fantástico e inacreditável que possa parecer, já existe um tratamento natural a base do Extrato de Própolis das abelhas para estas patologias, que já vem sendo usado em alguns países africanos com reconhecido sucesso. Por ser simplória, natural e de custo baixíssimo, tal substância sofre resistência por parte dos laboratórios farmacêuticos. Seria prudente e sensato que os Institutos de Pesquisa deixassem de lado o ranço acadêmico, norteado por velhas, poeirentas e arcaicas normas que inibem o avanço do novo em detrimento do velho.Que promovam um ensaio clínico da própolis e que a sua eficácia e benefícios fiquem atestados em definitivo, tanto nas viroses como nas parasitemias. A solução está debaixo dos nossos olhos.Se quiserem discutir às claras este assunto estou aí para o que der e vier. Eu faço aquilo que está ao meu alcance e falo o suficiente e mais um pouco para ser ouvido. Cordialmente.

Dr.Gilvan Barbosa Gama

Share

ATAQUE AO BREJÃO DE SAIRÉ. DENÚNCIA POPULAR.

Bezerros – PE.  A água potável que COMPESA  abastece a cidade de Bezerros, neste últimos tempos está ligada ao açude/barragem  de Jucazinho, localizado na cidade de Surubim,  sendo complementado com a água que também é captada no famoso e conhecido Brejão, localizado na zona do município de Sairé. No entanto ocorre que face a seca que vem assolando nossa região, nesta ultima temporada a mídia regional tem dado conta de que  “Jucazinho” está abaixo da reserva mínima que o viabilize abastecer Bezerros e Caruaru. Assim  sendo Caruaru está se acomodando com água de outras fontes de outras regiões, porém já está implantado o racionamento até que venha a época de novas chuvas, chamada  de invernada, claro, somente no  ano que vem. Entretanto, atemo-nos ao abastecimento da nossa cidade, fato que já perdura há anos, isto é, a carência de abastecimento  regular para que cada casa tenha o mínimo de água por dia, semana e mês. É situação humilhante quando o cidadão recebe a conta de água sendo que ele não  está  abastecido regulamente. E dai? Ele paga porque tem medo de cortarem  de vez o abastecimento. Este fato vem ocorrendo com frequência.  Agora no momento, além destas ocorrências  que enoja a população, outro fato pior ainda está por chegar em nossas torneiras : “A FALTA TOTAL  D´ÁGUA”.  Porque  simplesmente  estamos abastecidos com água do BREJÃO, EM SOCIEDADE COM GRAVATÁ. Apropriaram –se de nosso brejão nas nossas barbas sem pedir licença e ninguém agiu a tempo.   Porém além de termos adotado o nosso vizinho nesta  ocorrência de abastecimento, ainda passamos a ter outro sócio aleatório que está sugando e consumindo em excesso nossa  água  e nos deixará na mão logo  e dentro em breve  – ALGUNS PLANTADORES  DE INHAME, TOMATE E OUTROS PRODUTOS AGRÍCOLAS.   Ora, nosso santo Deus, autoridades constituídas,  até onde chegaremos com está total inércia dos poderes de polícia de COMPESA, Prefeitura, Ministério Público, CÂMARA e outros congêneres. Até quando ficaremos a espera de ação  das autoridades que nos  devem proteger,  contra o risco iminente para evitar o colapso de água e  que tenhamos de ser abastecidos, como no passado,  com carro pipa, dentro em breve.  

Edgar Ferreira (edgarferreiraadv2015@hotmail.com)

Share

“Os dois são super dotados e poderiam até disputarem a majoritária política do próximo ano para salvarem Bezerros”

carlosPessoal vejo muitas brincadeiras com o fato envolvendo a estagiária da CEF, mas me bate um pensamento assustador: “nosso sistema financeiro é reconhecido internacionalmente por sua versatilidade…suporta roubos e rombos e ainda faz funcionar a quinta economia mundial…mas quando parte para um banco oficial cujos controles deveriam ser modelos ou parâmetros para todos os outros privados, nos deparamos com uma situação dessas…onde dois adolescentes aparentemente sem nenhuma passagem pela NASA conseguem utilizar de um sistema tão “SEGURO” para viverem num mundo de ostenta…ou os dois são super dotados e poderiam até disputarem a majoritária política do próximo ano para salvarem Bezerros do marasmo em que se encontra ou nossas instituições bancárias estão tão “fu…fu…” quanto a PETROBRÁS e aí meus irmãos não precisamos mais cavar buraco para achar petróleo é melhor voltarmos para Serra Pelada e carregarmos a lama que assola nossas instituições… Estamos fadados a sermos uma geração “sem vergonha” porque contra os descobridores e invasores nossa história mostrou que homens lutaram e perderam suas vidas para defenderem um paraíso chamado Brasil…mas contra a pouca vergonha…ao descalabro diário nós só fazemos replicar…chacotar…e mais nada…será que no coletivo não conseguimos mudar esta história??? Vamos pensar em grupo….pode surgir uma grande opção…e pode começar por Bezerros mesmo…como um dia começou uma inconfidência mineira…e já temos mostra de que aqui tem muita gente inteligente e “esperta” é só direcionarmos para algo bom voltado para o coletivo… Sou bezerrense de corpo e alma…vamos pensar um pouco mais….

Carlos P. O.

Share

NOTA SOBRE FESTA DAS CRIANÇAS

Queridos parceiros e amigos, venho através agradecer a todos bezerrenses e em especial as CRIANÇAS pelo maravilhoso  e Inesquecível Dia das Crianças, REALIZADO NO DIA 11/12/2015, NA QUADRA DO COLÉGIO RADAR. Uma Realização de Ângela Luna Produções, com apoio da Prefeitura de Bezerros, Sec. de Cultura e Esportes,CNA, Aliança Veículos,Tabocas,Regis Vual,Pizzaria do Davi, FM Bezerros,Rádio Maria e em especial a Deus! Um Sucesso! Festa bonita,alegre e democrática. Agora já ficamos na expectativa da próxima, para continuarmos abrindo o sorriso em cada rosto de um bezerrense.  Desde de já agradecemos a este Portal.

pdejesusmoura@hotmail.com

Share

ATUAL CRISE MIGRATÓRIA NA EUROPA

Por: Jefferson David
criancaÉ comum vermos nos noticiários diários matérias relacionadas a pessoas entrando apulso em países da Europa, que em sua maioria são pessoas da Síria. Mas também há refugiados do Afeganistão, Paquistão, Iraque, Irã, entre outros países. Noticiários também relatam que esse fato se deve a ação tenebrosa e desastrosa do Estado Islâmico naquela região, o que foça as famílias a se dirigirem a outros países.
E por que se tornou assunto da moda justamente agora esse tema da crise migratória se ela já existe há séculos? Parece que para se voltar à atenção a um tema emergente e de urgência é preciso que se tenham mártires na história, que alguém seja posto em holocausto, que se tenha uma comoção em massa. E dessa vez existiram esses fatos, com várias pessoas, mas o que mais chamou atenção foi o menino sírio morto na praia (ele tinha o nome de Alyan Kurdi), como se ver na imagem dessa matéria.

Mas afinal, como são chamadas essas pessoas que tentam ou atravessam fronteiras de outros países sem autorização legal? É importante ressaltar que o uso indiscriminado ou definição de diversos termos pode gerar negação dos direitos aos novos “invasores”.
Se formos observarmos como são chamados aparecem várias nomenclaturas:
– migrante;
– refugiados;
– requerente de asilo.
Migrante é quando alguém se muda para outro lugar que pode ser dentro do próprio país ou atravessando fronteiras. Os migrantes fizeram essa opção por iniciativa própria por alguma razão, seja em busca de qualidade de vida ou qualquer forma que achar cabível à sua vida.
Refugiado é alguém que saiu de seu país em decorrência de sua etnia, religião, convicção política, nacionalidade, etc. Pela lei os refugiados não podem ser mandados de volta para seu país de origem ou de onde veio, de acordo com a Convenção de 1951.
Já o requerente de asilo se dá quando pessoas fizeram um requerimento para receber asilo e que ainda não receberam resposta. Essa medida de proteção é requerida pelos refugiados e muitas vezes os políticos da Europa preferem tratar estes como imigrantes, para que assim possam expulsá-los.
Atualmente está ocorrendo em New York a Conferência da ONU para Agenda de Desenvolvimento Pós-2015 e de encontro de líderes globais sobre igualdade de gênero. Na ocasião muito se falou sobre a crise dos refugiados na Europa, onde o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, no dia 28 de setembro de 2015, defendeu a saída do presidente da Síria Bashar al-Assad, e o chamou de tirano, “Para que a Síria possa sair da situação de guerra que motiva o êxodo de refugiado por todo o mundo”, relata ainda Obama.
Já o presidente da Rússia Vladmir Putin discordou de Obama dizendo que “Seria um erro enorme não cooperar com aqueles que combatem frontalmente o terrorismo. Devemos reconhecer que ninguém, salvo as Forças Armadas do presidente Assad, combatem realmente o Estado Islâmico e outras organizações terroristas na Síria”.
O secretário geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu que os europeus fizessem mais para ajudar os refugiados. O mesmo ainda relatou que “O sofrimento chega a novos patamares”, lembrando ainda que no mundo há 100 milhões de pessoas que precisam de assistência humanitária e 60 milhões de pessoas que se viram obrigadas a deixar seus lares ou países.
Dilma, afirmou que “O Brasil está de braços abertos para receber os refugiados” e que “O Brasil é um país de refugiados”. Dilma foi mais feliz e coerente ao afirmar que “Em um mundo onde circulam, livremente, mercadorias, capitais, informações e ideias, é absurdo impedir o livre trânsito de pessoas”.

Share

CONCURSO PÚBLICO: 44 vagas destinadas para o Expresso Cidadão

Em tempo de suspensão de seleções e concursos públicos federais, devido à crise econômica/fiscal, eis que o Governo do Estado de Pernambuco, por intermédio do programa Expresso Cidadão (vinculado à Secretaria de Administração – SAD/PE, que reúne órgãos públicos e privados, cujo objetivo é simplificar a vida do cidadão, disponibilizando diversos serviços reunidos num só local), oferece uma boa oportunidade aos concurseiros de plantão, lançando o edital de seleção pública simplificada que visa contratar, temporariamente, profissionais de nível médio para vagas de Assistente de Atendimento ao Cidadão nas unidades dos Expressos Cidadão espalhadas pelo Estado. Desta forma, enquanto a unidade do Expresso Cidadão de Bezerros não sai do plano das intenções de governo (sem muitas perspectivas de acontecer em curto prazo, haja vista o contingenciamento de gastos implantado pelo governo estadual, bem como a paralisação de investimentos e redução de despesas), os munícipes interessados na participação do aludido certame podem concorrer a uma das 44 vagas destinadas a Unidade mais próxima de nossa cidade, qual seja: Expresso Cidadão Caruaru. Maiores informações e o edital podem ser acessados no portal do Instituto de Apoio à Universidade de Pernambuco (IAUPE), responsável pela realização da seleção simplificada, através do seguinte link: http://www.upenet.com.br/

Atenciosamente,

Geraldo Júnior – gfs.jr@bol.com.br

Share

EDUCAÇÃO DE BEZERROS NA ERA DIGITAL

12039639_10154214863158222_1511042616795676599_nMais uma vez, a administração do Prefeito Branquinho ( Severino Otavio Raposo Monteiro) e a competência da Secretária de Educação Ladjane Torres, eleva os patamares da Educação Municipal, demonstrando o poder de aglutinação que possui esta administração. Não foi por acaso que o nosso município está hoje na 4ª posição do ranking das Escolas Municipais de Pernambuco, que no ano de 2013, ocupava a 23ª posição. Esses resultados são frutos de um conjunto de ações pautadas na LISURA, COMPETÊNCIA e ORGANIZAÇÃO, que norteiam as diretrizes da Educação.
Coroando as várias conquistas educacionais no município, Bezerros hoje recebe 59 LOUSAS DIGITAIS que serão instaladas nas escolas da rede, facilitando o ensino aprendizagem e inserindo os alunos na era digital. Prefeito BRANQUINHO, seus esforços e poder de aglutinar forças é de extrema necessidade para Bezerros. Precisamos de sua presença política e humana entre nós.

POR SÉRGIO BRAYNER

Share

“Nota sobre um gravíssimo crime ambiental ocorrido em minha rua”

Estou realizando uma reforma em minha casa e meu vizinho também está realizando uma na casa dele, os entulhos estávamos colocando embaixo de uma árvore que estava em minha rua e não fazia mal a ninguém, além é claro da equipe que ia recolher os entulhos pois tenho testemunhas que ouviram por mais de uma vez eles reclamando porque o entulho posto embaixo da árvore atrapalhava na remoção, e que derrubaria a árvore da próxima vez, porém só colocávamos lá porque não tinha outro lugar. Pois bem ele prometeu e cumpriu, derrubou a árvore por pura pirraça, cometendo um crime ambiental, essa árvore tinha mais de 10 anos estava linda. Alguns vizinhos se revoltaram, mas ninguém tanto quanto eu que fui a secretaria de infra estrutura relatar o caso e fui atendido de forma muito cortes pelo secretário adjunto e o responsável pela equipe desalmada que derrubou a árvore por pura pirraça. Os mesmos se prontificaram a plantar outra árvore no local em poucos dias. Estou escrevendo esta nota para alertar a população que não deixem barato tais atitudes e que procurem a secretaria responsável para sanar os problemas ocorridos. Fui bem atendido e tive a promessa de que vão plantar outra árvore, resta agora esperar e vê se a promessa será cumprida.

P.S: A rua em questão é a Dr. João Vieira, a árvore ficava em frente a casa Nº 25 na qual resido a 30 anos.

Arildo Cavalcante.

Share

Por que falar do parlamentarismo Brasil?

Eduardo Cunha (PMDB-RJ) vem fomentando na mídia que colocará em votação uma proposta de emenda à Constituição que substitui o sistema presidencialista em vigor pelo sistema parlamentarista. Mas o que de fato teremos com uma mudança tão drástica como essa?
Para compreender os efeitos dessa mudança, é óbvio que precisamos entender como funciona o sistema parlamentarista em um país. Vamos lá!
No sistema presidencialista, a chefia é monocrática, ou seja, as funções de Chefe de Estado e Chefe de governo estão reunidas na mesma pessoa, no Presidente da República. Em linhas gerais o Chefe de Estado representa o País na ordem internacional e o Chefe de governo é responsável pela política interna do país.
O sistema parlamentarista é caracterizado pela dualidade de Chefia, onde as funções de chefes de Estado e Chefe de Governo são exercidas por pessoas distintas. Nesse sistema não há separação nítida entre os poderes executivos e legislativos. O Primeiro-Ministro é indicado pelo Parlamento (Congresso) e não diretamente pelo povo. Além disso, o governo é formado pela maioria partidária no Parlamento e pode ser demitido antes da data prevista para as eleições regulares. Vale ressaltar ainda, que o chefe de estado (presidente, eleito pelo voto popular ou nomeado pelo Parlamento) não tem muitos poderes políticos, desempenhando apenas um papel cerimonial.
No Brasil já houve dois momentos de sistema parlamentarista: o primeiro momento no Segundo Reinado de D. Pedro II durante a época do Império e o segundo momento em 1961 durante o Governo de João Goulart. O parlamentarismo no Brasil não deu certo porque era o avesso daqueles parlamentarismos vigentes na Europa, daí o fato deste ficar conhecido com parlamentarismo às avessas. O parlamentarismo da Inglaterra é um sistema eficiente devido ao pequeno número de partidos com ações bem definidas, daí o povo sabe em quem está votando e consequentemente nas propostas sólidas.
O parlamentarismo além de não ter dado certo anteriormente em dois momentos distintos da história de nosso Brasil. Também foi derrubado via plebiscito no mês de abril de 1993 a ideia da volta do parlamentarismo, naquela ocasião os brasileiros deviam escolher entre o sistema Presidencialista ou Parlamentarista, o sistema parlamentarista foi derrubado porque só obteve 24,65% dos votos. Uma ideia derrubada de forma popular querendo ser posta à torna parece até um golpismo à democracia brasileira.
O sistema parlamentarista também foi rejeitado durante a elaboração da Constituição Federal de 1988. Vale ressaltar que naquela época que o PT já era contra e que havíamos saído a pouco de uma ditadura militar. O parlamentarismo adotado durante os anos 1960 durante a época João Goulart visava impedi-lo de realizar reformas populares. Destacamos que mesmo em meio a uma crise econômica-política e com a baixa popularidade de Dilma Rousseff, não há motivos plausíveis para se adotar o parlamentarismo no Brasil.
No que você está pensando?

Jefferson David

Share

UM RECONHECIMENTO AO MESTRE AMORIM, POR JOSÉ CÍCERO DE LIMA

Dr. Amorim

AO MESTRE COM CARINHO

“Apesar do título ser o mesmo do grande clássico do cinema americano tão bem interpretado pelo talentoso SINDNEY POITIER e , os enredos versarem sobre a vida de dois professores que lutaram incansavelmente para encaminhar seus alunos para uma vida melhor, nesse pequeno relato não tem nada de ficção. assim como eu, muitos jovens da minha época foram testemunhas da luta titânica que o PROFESSOR AMORIM travou para fundar o Ginásio São Jose .

No final da década de cinquenta o jovem Professor Amorim teve a brilhante ideia de fundar em nossa cidade um estabelecimento de ensino Para atender aos jovens carentes de recurso daquela época que aspiravam estudar mas não tinham condições. Frequentavam o colégio nossa senhora das dores ou se deslocavam para vizinha cidade de Caruaru. assim foi travada uma batalha muito desigual. de um lado , a falta de recursos financeiros, falta de espaço físico e, ate a descrença de boa parte da população que não acreditava no sucesso do empreendimento .

Mas em Bezerros havia o professor Amorim recém formado no curso de teologia. com garra , determinação , vontade de realizar seu ideal e, assim com muita obstinação foi vencendo um por um todos os obstáculos em seu caminho . assim, meses depois brotava o primeiro fruto desse trabalho tão profícuo: foi criado o curso de ADMISSÃO AO GINASIO que era um mini vestibular, onde os que tiravam as melhores notas ficavam aptos a fazerem o tão almejado CURSO GINASIAL, então vigente. Nos primórdios do funcionamento do GINASIO SÃO JOSE, foi muito difícil, enfrentamos muitas dificuldades por não termos um lugar fixo para estudar. estudamos no prédio onde funcionava o clube do livro , Colégio Nossa Senhoras das Dores e nas dependências do grupo escolar Conego Alexandre Cavalcanti.

Enquanto isso o professor AMORIM corria em busca de recursos para construir o majestoso prédio do ginásio, feito esse que conseguiu com a ajuda do Estado e do Município e de muitos bezerrenses que contribuíram para a realização do empreendimento. Hoje, decorridas mais de cinco décadas muitos alunos de ambos os sexos se beneficiaram do que aprenderam no Ginásio São Jose ,alguns são empresários de sucesso, médicos, professores , engenheiros , escritores famosos entre outros.

Seu_lima
Sr. Lima

Quanto a mim, professor , só me resta agradecer-lhe por todos os benefícios que me proporcionaram ate hoje com os seus ensinamentos . E tomo a liberdade de falar em nome de todos os alunos daquele tempo tão distante. PROFESSOR AMORIM QUE O BOM DEUS ESTEJA COM O SENHOR HOJE E SEMPRE”.

Share

FENEART

A Feneart é apenas a maior feira de artesanato da América Latina. Dos 10 dias da feira, estive presente em pelo menos 6 dias, acompanhando minha esposa que prestava consultoria, e fiquei admirado com alguns estandes municipais (São Lourenço da Mata, Jaboatão, Ipojuca, entre outros). Porém, boa parte decepcionou pela falta de organização, padronização, sem temática, etc. Os municípios, e Bezerros se inclui, deveriam organizar melhor seus estandes. Uma sugestão para as próximas edições é criar uma forma de padronizar ao invés de amontoar artesãos e suas obras num espaço pequeno. Infelizmente, padronizar exclui, mas é uma forma de incrementar o artesão. Não ter um acompanhamento, inscrição do artesão em rodadas de negócios, tudo para fazer com que o artesão alavanque sua produção o ano inteiro. E não produzir apenas para comercializar na Feneart. Acho, inclusive, que amontoar vários num único estande atrapalha mais do que vende. Vi em alguns que os artesãos são, na verdade, atravessadores. Quase uma filial da feira da sulanca ou da 25 de março. Fica a dica para as próximas.

hugobezerros@gmail.com

Share

” Todo excesso precisa ser controlado e obedecer um regramento”, diz comerciante sobre decreto que proíbe som no centro.

Concordo que todo excesso precisa ser controlado e obedecer um regramento. Só não sou a favor de que as medidas partam de um “decreto”, pura imposição sem antes buscar soluções mediante um diálogo aberto com o público que frequenta tais locais e que os tem como um atrativo, com comerciantes que estão sofrendo num momento de crise no mercado financeiro tal e qual todos os demais segmentos da economia. Com a ocupação da mão-de-obra empregada nestes estabelecimentos que tendem a sofrerem uma brusca redução, com músicos locais e da região que tocavam todos os finais de semana nestes locais apresentando seus trabalhos e valorizando a cultura musical além de reforçar seus rendimentos. Atribuir aos ambientes a culpa pela bagunça, pelo consumo e venda de drogas, por um pontual homicídio é simplesmente colocar uma venda nos olhos e não admitir que tudo isso é omissão pura e aplicada das gestões públicas que não conseguem garantir aos cidadãos de bem um princípio básico e constitucional chamado “segurança pública”. Dever e obrigação de quem se elege para “servir” e não somente impor. Ainda mais quando está estampado em nossas caras situações bem mais nocivas a sociedade local e a mesma mão de ferro não age. Mais triste ainda é saber que uma Câmara: casa que deveria representar os interesses dos cidadãos fica calada e se curva a uma determinação do executivo. Iludir com promessa de futuros projetos que ficarão parados sobre um birô por falta de recursos financeiros é antecipação de campanha política. Todos os envolvidos neste processo estão precisando é de ajuda, muita ajuda, porquê para atrapalhar já existem variáveis demais.

Carlos Oliveira-Comerciante

Share

DEBETRANS MONTA ÁREAS DE SEGURANÇA ROTATÓRIAS

BEZERROS – PE. Após longo tempo de pedidos, o DEBETRANS  – Departamento de Trânsito de Bezerros – ,  vem montando áreas de circulação, delimitações de rotatórias e outras áreas de seguranças para  requinte do nosso  encabulado trânsito urbano, abandonado por ele próprio há muito tempo pela revelia das leis que regem o setor.  Porém é necessário que seja consultado o Código de Transito Brasileiro,  pois estas delimitações são  dimensionadas para carros, caminhões, ônibus, etc.  Por outro lado são necessárias as instalações de placas indicativas que antecipem a existências destas áreas, para serem visualizadas pelo condutor –  a distancia. É mais que certo que foram montadas apenas três,  até agora, após longo tempo de pedidos dos motoristas, e pessoas experientes  no assunto,  e, restam inúmeros outros locais carentes destes equipamento de sinalização do solo – para fins ora citados -.  No entanto, fica claro que agora o DEBETRANS DESCOBRIU PARA QUE SERVEM AS TAIS  “taxas”.  DEMOROU E  MUITO POIS ESTAVAM SENDO APLICADAS PARA REDUÇÃO DE VELOCIDADE  INADEQUADAMENTE.  A RESOLUÇÃO Nº 39 DE CONTRAN ESTABELECEU LOMBADAS:  ELETRôNICAS  E  DE SOLO PARA REDUÇÃO DE VELOCIDADE  EM LUGARES ESPECIAIS.  No entanto o órgão aqui existente quer frear o transito de qualquer maneira, e acaba dando provas desconhecer o nosso Código de Transito Brasileiro, que é comparado aos mais modernos do mundo filiados a O.N.U. – Organização das  Nações Unidas.   E  pior, – “causando danos nos veículos pelo impacto causados pelos “equipos” usados indevidamente, gerando crime contra a economia popular”.  Em nossas cidades vizinhas não vemos estas ocorrências. E para finalizar alertamos:  Cuidado senhores responsáveis pelo DEBETRANS, POIS AS LOMBADAS ORA APLICADAS, ESTÃO EM DESACORDO COM A CITADA  LEGISLAÇÃO E SUJEITAS A SEREM RETIRADASAS  POR  DETERMINAÇÃO JUDICIAL !

(EDLIFE – DRT-RJ 14.585)

AINDA…

Nestes dias atrás, uma moto vinha como é habito, transitando pela calçada da rua central do comércio,  justamente na contra mão e com velocidade.   Dono da situação! Uma senhora idosas transitando com uma bolsa de feira logo disse : “ – NESTA CIDADE NÃO TEM LEI! ” Claro, quase atropelada, lascou logo a frase que lhe veio a mente. A nossa cidade tem Lei, porém aqueles que deveriam aplica-las não se fazem presente ou então são inertes.  E falta de autoridade?  Em tese sim, senão vejamos.

Existe um terreno baldio, localizado  na proximidade do gabinete do prefeito – à 60 metros, com água transbordante, sangrando para o lado da rua, já há mais de seis meses. Autêntico criadouro de “dengue”. Tem Lei? Na mesma calçada a 70 m. situa-se o “point” dos fiscais, agora novamente na Controladoria Municipal.  Cadê o poder  de polícia destes profissionais pagos pelo erário público?  Em diversas Ruas do centro urbano,  vemos  com frequência diária, determinadas pessoas, com facões, decepando árvores justamente na entrada dos tempo quente que se aproxima, quando certamente  as chuvas raras estão indo embora! Com certeza morrerão. Existe o setor de Controle Ambiental? Sim. Cadê eles. Alias, muitas são as agressões ao nosso minguado Rio Ipojuca onde lançam tudo o que não presta aos peixes! Muitas são as agressões pessoais seguidas de morte e vem aumentando, justamente após a criação da Guarda Municipal.  A LEI TEM DE SER APLICADA PARA A GARANTIA DO CIDADÃO.  ( Edlife- drt-rj 14.585)

Share

Serra Negra e o financiamento privado de um posto policial

11351276_1602877889960098_7552059049956350084_nNão é responsabilidade da sociedade civil arcar com os deveres do Estado. Veicula-se a informação de que empresários, passantes da Serra Negra, estão se mobilizando para cotizar a construção de um posto policial naquela comunidade. Ora, é sabido que o dever de prestar, zelar e garantir a segurança pública dos cidadãos, é do Estado. Logo, esta é uma tarefa que deve ser incumbida ao poder público Estadual, através da Polícia Militar, e que pode e deve ter como parceiros os municípios com suas respectivas guardas municipais. O fato de levantar um posto policial não garante em nada a presença de efetivo policial, o qual se encontra em defícit, e não é novidade. Como exemplo, podemos citar um caso da Tebrasa. Sua vinda para Bezerros não garantiu que ele viesse a trazer emprego e tampouco exercer a função a que se propunha. Pois bem, a questão da Segurança na Serra Negra suscitou um parco debate na Câmara de Vereadores, onde se pode perceber a defesa do dever de segurança pública pelo Estado, por parte do Presidente da Casa, mas por outro lado a defesa e a valorização da atitude de tais empresários. Como disse, um parco debate. Isso porque mais uma vez se preocupa em tratar de um problema que aparece de forma pontual, achando que a mitigação ou solução do problema está apenas na construção do posto policial e de sua eficiência. Mais uma vez podemos perceber a debilidade com que nossos legisladores, majoritariamente, tratam de questões de interesse público. E aqui, lanço a reflexão: Será que este problema se anunciou apenas agora? Porque não se demonstrou preocupação com o distrito de Serra Negra antes de tudo isso poder vir a acontecer? Estes empresários decidiram fazer uma cota para construir este posto policial porque se preocupam com a segurança coletiva da Serra Negra ou porque em um determinado momento foram vítimas de um desenvolvimento sem planejamento? Se a preocupação for coletiva, porque os tais benfeitores não cuidam de também cotizarem obras de infraestrutura, saneamento básico, segurança e outras demandas em outros locais de nossa cidade? Bem…Este problema não é de hoje. Talvez, se antes de “desenvolver” Serra Negra se se preocupasse com os problemas que este desenvolvimento poderia trazer ao município e a localidade, bem como seus moradores natos, possivelmente a história seria diferente. Mas não existe planejamento para a Serra Negra. Sempre que se descobre um problema trata-se dele pontualmente e sem um estudo e debate mais amplo. Estes empresários intentam construir o posto por receio de serem alvos novamente, em nenhum momento se pensa na população. A população até entrará na arguição, mas para a mesma se sentir partícipe. Mas será que se o fato tivesse ocorrido com os populares da Serra ao invés de empresários, estes empresários se mobilizariam para garantir a segurança da comunidade? Eu não acredito nesse conto de fadas. E sugiro a você que reflita e debata mais a nossa cidade!

Mikhail Gorbachiov-Presidente do PCdoB de Bezerros

Share

Aluno do Ensino Fundamental de Bezerros-PE é aprovado entre os primeiros lugares do curso de Direito

Olá manolos!!!

O estudante do nono ano do ensino fundamental, Hugo Albuquerque, foi aprovado em direito no CESMAC-AL

Eu fico realmente impressionado como algumas pessoas conseguem determinadas façanhas. Quando eu tinha 13 anos, minha preocupação era assistir desenho animado e fazer meu dever de casa. Sempre fui muito esforçado e dedicado com os estudos, mas nesse tempo eu não sabia nem o que era vestibular direito, então estudava, mas sem foco algum. Pode até parecer precoce, mas tentar vestibular muito cedo é algo que tem se tornado muito recorrente, principalmente quem almeja um curso concorrido.  Leia mais aqui

Share

QUEM ERA A SERRA NEGRA…

Quem era Serra Negra! De uma vila pacata e acolhedora para uma vila fria cheia de pessoas estranhas, e além do mais virou um caus! Onde já se viu a pessoa transformar a via publicar em bar? Por que esse cidadão saiu de Olinda pra transformar nossa Serra nesse pardieiro? Me Desculpem os que gostam… Mas sinceramente esse Sr veio pra abacar de vez com a nossa Serra! Cadê as autoridades bezerrenses que não enxergam isso? Minha gente é um absurdo o que ta acontecendo, mesas e cadeiras em vias publicas, pessoas invadindo a rua, embriagadas e impedindo a passagem dos cidadãos ! E em caso de emergência, como será? imaginem um pessoa doente precisando de socorro imediato e sem conseguir passar! Sem falar no silêncio a que todos tem direito depois de um dia de trabalho! Fica aqui minha indignação com omissão diante desse verdadeiro caos que se instalou em Serra Negra!”

Santiago Pires Luiz

Share

MORADOR DE ENCRUZILHADA RECLAMA A FALTA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA

Aqui em Encruzilhada de São João, se inverteu as prioridades. Falta luz nos postes, mas o poder público manda pintar os mesmos. Falta bom senso, pois mais de 60% dos postes estão sem as lâmpadas ligadas deixando os moradores as escuras. Em contra partida os postes da rua Joana Maria de Morais estão todos pintados. sem sombra de duvidas inverteram as prioridades aqui em Encruzilhada onde existe altas taxas de criminalidade.

Share

INTERNAUTA RECLAMA DE POLUIÇÃO SONORA NA PRAÇA DOS TAMARINDUS

poluio-sonora-1-728É revoltante a situação da‪#‎PraçadosTamarindos‬ no que se refere “A POLUIÇÃO SONORA” que é sem tréguas. Uma rua que é repleta de residências e que em muitas delas residem idosos que, necessitam de sossego e que são obrigados a conviverem com o barulho absurdo que perdura por toda a semana e se alastra com mais força aos sábados. O abuso do SOM AOS SÁBADOS é insuportável, e começa cedo, pois as 07:00 horas da manhã, somos obrigados a acordar com os SONS DOS CARRINHOS DE CDs e com os ARTISTAS que vêm divulgar seus trabalhos ao ar livre. Não sou contra esse tipo de divulgação, a democracia, a liberdade e o direito de trabalhar pertence a todos sem nenhuma distinção, só acho que deveria ser estipulado pela prefeitura um horário de INÍCIO e de TERMINO da sonoridade excessiva nessa rua. Não se tem mais paz, não se pode mais assistir uma televisão, minha avó de 100 anos não consegue mais ficar no terraço para ver a movimentação da rua e fugir um pouco do calor que faz dentro de casa porque não aguenta o barulho de tantos sons ligados, a mesma muitas vezes não tem uma noite tranquila chegando a dormir 04:00, 05:00 horas manhã e as 07:00 horas já é acordada pela baderna que é essa rua. Eu sou estudante e sofro muito todos os dias quando preciso estudar, não é possível encontrar dentro da minha casa um comodo que não seja atingindo pelo barulho excessivo que acontece na praça. Em dias de prova eu me vejo obrigada a estudar na madrugada para poder absorver o conteúdo de forma adequada, pois durante o dia é extremamente impossível. Estou postando esse desabafo não só para defender o bem estar da minha casa, mas sim de todas as residências da Av. Cel. Salviano Machado, pois todos nós moradores sofremos com a POLUIÇÃO SONORA DIÁRIA dessa rua.

Nathália Trajano

Share