CURSO: O Carnaval Sob a Ótica da Economia da Cultura

O projeto “O Carnaval Sob a Ótica da Economia da Cultura” ofereceu, de 12 a 14 de setembro, o Curso “Como Potencializar Sua Vida Pessoal e Profissional Através do Coaching”, em parceria com a Sala do Empreendedor de Bezerros. Com o intuito de fomentar os processos produtivos e inovativos locais através de ferramentas que potencializam as habilidades individuais, no total, 28 participantes tiveram um aprendizado que irá contribuir para o crescimento pessoal e profissional.

Share

BARRA DE GUABIRABA HOMENAGEIA BEZERROS E SUA CULTURA EM DESFILE DE SETE DE SETEMBRO

A cidade de Bezerros e o artista plástico Robeval Lima foram homenageados no desfile cívico de Barra de Guabiraba. O tema do desfile este ano ‘Pernambuco imortal’  trouxe as cidades ícones culturais como:Bezerros, Caruaru, Recife, Olinda, Garanhuns, Triunfo, Gravatá, Nazaré da Mata, entre outras. ” Só tenho que muito agradecer a Barra de Guabiraba pela bela homenagem que fez a mim e a minha cidade neste desfile tão lindo”, destacou Robeval em sua rede social.

Share

Bandas marciais e coreografias empolgam público no desfile da independência em Bezerros

Como já era esperado, o desfile da independência em Bezerros teve um público de mais de 3 mil pessoas que vibrou intensamente com as apresentações das 16 escolas participantes, especialmente com o show dado pelas principais bandas marciais da cidade e as coreografias das comissões de frente. Além das escolas da cidade tivemos participações de bandas de Camocim de São Félix, Sairé e Gravatá e outras participações que abrilhantaram ainda mais o desfile, como o Programa Vida Ativa, Igreja Adventista e CEEB. O desfile começou com o pelotão das bandeiras puxando e uma faixa com o tema do desfile: Educação Sustentável, um caminho para a CIDADANIA.

Com mais de 2 mil alunos professores e funcionários participando dos desfiles, 10 Bandas fizeram a festa ficar ainda mais exuberante, principalmente quando pisaram na avenida as bandas Paulo Queiroz, da EEEQ, BAMFG do Municipal, ETE e CEMAIC, que encantaram o público com suas coreografias e comissões de frente desempenhando com maestria as suas apresentações seguindo o tema do desfile mas também inovando, como foi o caso da banda show do EEEQ, que levantou a galera com o tema Circo da Vida; o Municipal e o CEMAIC, que apresentaram temas como flora, fauna e alimentação sustentável.

As escolas técnicas da cidade, EREM e ETE também desfilaram com suas bandas, com destaque para a cidadania e alinhamento da ETE, com 450 alunos devidamente uniformizados com o fardamento escolar e uma coreografia com indumentária em cordel; José de Góis e EMIRB mostraram ritmo com suas fanfaras e escolas rurais desfilaram dentro do tema proposto. A Escola Municipal Monsenhor Florentino de Oliveira fez um belo desfile e encenou um teatrinho de cidadania em frente aos palanques das autoridades. Após as apresentações, houve a evolução das bandas marciais fechando com chave de ouro o desfile da independência de 2018, em Bezerros.

Share

Banda Marcial do EEEQ, pisa na avenida comemorando 25 anos

No desfile da desta sexta feira, dia 07 de setembro além de toda a glamorosa atuação das escolas haverá também uma apresentação especial da Banda Marcial Paulo Queiroz, mais conhecida como CEREQ Banda Show, como sempre bastante esperada pelo público que sempre lota as ruas da cidade para assistir o desfile da independência em Bezerros. A banda está completando 25 anos de existência e apresentará um desfile com o tema: CIRCO DA VIDA,  sob o comando do maestro Antonio Edvaldo, o Toinho Troumpet, bastante laureado na região e a frente estará o bailarino e Mó da banda, Clécio Mendes que também é responsável pelo figurino e coreografia dos desfilantes.

Fundada em 1993, a banda show da Escola Estadual Eurico Queiroz (EEEQ) inicialmente foi denominada Fanfarra Paulo Queiroz, até 1999, quando recebeu o nome atual. A Banda Marcial Paulo Queiroz, passou a ser Banda Show a partir das coreografias incorporadas ao longo dos anos que a coloca entre as melhores do gênero na região. No desfile desta sexta feira um pelotão traz um pouco da história da escola e da banda, com uma comissão de frete com 20 componentes e 48 músicos, que irão dar um show para comemorar os 40 anos da Eurico Queiroz e 25 da Banda Marcial Paulo Queiroz.

Share

Creches e escolas fundamentais abrem os desfiles da independência em Bezerros

Antecedendo o grande desfile do dia 07 de setembro na cidade de Bezerros, as creches e escolas do ensino fundamental das redes pública e privada, realizaram um lindo desfile  na tarde desta quinta-feira, dia 06, com mais de 600 alunos(as) desfilando desde a Praça de São Sebastião até a Praça Duque de Caixas, no centro da cidade, onde foram recepcionados pelo prefeito Branquinho, vice prefeito Breno Borba, secretários e convidados. O tema do desfile foi: Educação Sustentável, um caminho para a CIDADANIA.

Participaram do desfile, 18 escolas da cidade e zona rural, cada uma apresentando um tema relacionado ao principal, como: educação e sustentabilidade, alimentação saudável, reciclagem, uso consciente da água, flora e fauna, energia sustentável, preservação do planeta etc. O desfile teve 07 bandas marciais acompanhando os pelotões de alunos que apresentaram um figurino literalmente enquadrado no tema principal, abrindo com chave de ouro as comemorações da independência em Bezerros.

Share

Bezerros terá dois dias de desfiles cívicos

A cidade de Bezerros terá dois dias de comemorações da Independência do Brasil. Começa nesta quinta-feira, 6, com o desfile das creches e escolas do ensino fundamental – anos iniciais. Toda concentração será na Praça São Sebastião com destino ao centro de Bezerros, às 15h. Já no dia 7, sexta-feira, a solenidade terá início às 8h com o hastemanto das bandeiras de frente à Prefeitura. Em seguida haverá desfile das escolas do ensino fundamental – anos finais, escolas estaduais e convidadas. Toda concentração também será na Praça São Sebastião com destino ao centro da cidade.

Share

Projeto Documentando: escola de Serra Negra terá oficina gratuita de cinema

O Projeto Documentando, atividade de iniciação em cinema que é referência em Pernambuco, também será realizado no município de Bezerros. A atividade, que completará dez anos em 2019, é desenvolvida pelo cineasta Marlom Meirelles. Ao longo de quatro temporadas, já foram formados mais de 1.400 estudantes em todas as regiões de desenvolvimento no Estado. Um motivo de orgulho para os bezerrenses é que a identidade visual desta edição tem ilustrações exclusivas do mestre J. Borges.

Desta vez, a Escola Municipal Joaquim Claudino de Oliveira, sediada no distrito de Serra Negra, foi a escolhida para receber as aulas. Ao longo de uma semana, os alunos irão conhecer mais sobre o universo do cinema e produzir um filme de documentário com enfoque educativo e ecológico. Serão 20 alunos naturais do distrito e mais cinco estudantes de fora. Para se inscrever, basta enviar e-mail para eixoaudiovisual@gmail.com contendo nome completo e telefone para contato. As inscrições acontecem até o dia 8 de setembro, as atividades são totalmente gratuitas e será oferecido um certificado aos participantes.

 SOBRE A OFICINA

Por meio da análise de obras de diferentes cinematografias, de reflexões teóricas e exercícios práticos, a oficina tem como objetivo estimular o olhar do aluno para a leitura e realização de obras documentais, dando a ele uma base de conhecimento sobre o desenvolvimento do documentário na história do cinema. Os participantes, que não precisam ter conhecimentos prévios na área, têm acesso às técnicas básicas de captação e edição de imagens em vídeo, além de instruções sobre a linguagem cinematográfica e as etapas e funções numa produção. A oficina desperta a consciência de que o cinema é um instrumento de construção da realidade, permitindo que os alunos observem as possibilidades de abordagem, narrativas, dispositivos e processos de trabalho. Ao final das aulas, os alunos realizam um documentário.

 Público-alvo: a partir de 14 anos

Vagas: 20

Datas: 10 a 14 de setembro

Horário: 13h30min às 16h30min

Local: Escola Municipal Joaquim Claudino de Oliveira, na vila de Serra Negra

Share

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA OFICINA GRATUITA DE CINEMA EM BEZERROS

O projeto Documentando, atividade de iniciação em cinema que é referência em Pernambuco, também será realizado no município de Bezerros. A atividade, que completará 10 anos em 2019, é desenvolvida pelo cineasta Marlom Meirelles. Ao longo de 4 temporadas já foram formados mais de 1.400 estudantes em todas as regiões de desenvolvimento do Estado. Um motivo de orgulho para os bezerrenses é que a identidade visual desta edição tem ilustrações exclusivas do mestre J. Borges.

Desta vez a escola escolhida para receber as aulas fica sediada na vila de Serra Negra. Ao longo de uma semana os alunos irão conhecer mais sobre o universo do cinema e produzir um filme de documentário com enfoque educativo e ecológico.

Serão 20 alunos naturais do distrito e mais 5 estudantes de fora. Para se inscrever basta enviar e-mail para eixoaudiovisual@gmail.com contendo nome completo e telefone para contato. As inscrições acontecem até o dia 08/09, as atividades são totalmente gratuitas e será oferecido certificado aos participantes.

SOBRE A OFICINA

Por meio da análise de obras de diferentes cinematografias, de reflexões teóricas e exercícios práticos, a oficina tem como objetivo estimular o olhar do aluno para a leitura e realização de obras documentais, dando a ele uma base de conhecimento sobre o desenvolvimento do documentário na história do cinema.

Os participantes, que não precisam ter conhecimentos prévios na área, tem acesso às técnicas básicas de captação e edição de imagens em vídeo, além de instruções sobre a linguagem cinematográfica e as etapas e funções numa produção.

A oficina desperta a consciência de que o cinema é um instrumento de construção da realidade, permitindo que os alunos observem as possibilidades de abordagem, narrativas, dispositivos e processos de trabalho. Ao final das aulas os alunos realizam um documentário.

Público-alvo: A partir de 14 anos
Vagas: 20 pessoas

Datas: 10 a 14 de setembro

Horário: 13h30 às 16h30

Local: Escolinha da Serra Negra, na vila de Serra Negra

Mini-currículo: Marlom Meirelles tem formação em cinema, é realizador e professor em projetos de iniciação audiovisual.

Facebook: www.facebook.com/documentan

Share

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência reúne atividades em Bezerros

Objetivando vencer as barreiras da desigualdade e lutando para que a inclusão se torne efetiva em todas as áreas, aconteceu, durante a manhã da terça-feira (21) na sede da Associação dos Portadores de Deficiência de Bezerros – APORDEB e Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Bezerros, a abertura da Semana da Pessoa com Deficiência 2018. Com a temática “O protagonismo da pessoa com deficiência e as políticas públicas”, a semana é uma realização da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e da Superintendência Municipal de Assuntos Relativos à Pessoa com Deficiência, em parceria com a Secretaria de Saúde e Secretaria de Educação e Esportes, seguindo até o dia 28 de agosto com diversas atividades relacionadas à causa.Estudantes da rede municipal e a sociedade em geral prestigiaram a iniciativa. Na ocasião, alunos da APORDEB, APAE Bezerros e do Centro de Educação Especial de Bezerros (CEEB) expuseram os seus trabalhos e atividades. Houve ainda uma amostra dos quadros da artista plástica e também aluna da APORDEB Andreia Moura, que ministrou uma oficina de biscuit para o público visitante.

PH Bezerros

Share

EREMCAC promove a Feira do Pequeno Grande Empreendedor

Na realização do II Encontro Família e Escola, da Escola de Referência do Ensino Médio Cônego Alexandre Cavalcanti (EREMCAC), aconteceu a I Feira do Pequeno Grande Empreendedor, uma espécie de feira livre que reuniu feirantes tradicionais da cidade e alunos da escola, que comercializaram produtos diversos produtos que podemos encontrar na feira livre de Bezerros, sendo alguns destes produtos confeccionados pelos próprios alunos, como doces e salgados, por exemplo. A feira se deu nesta segunda feira, dia 20, em frente a EREMCA, das 9h as 16h e reuniu centenas de alunos e fazendo sua primeira experiências como empreendedores e chamando a atenção dos transeuntes que aproveitaram para comprar os produtos expostos.

Durante todo o evento aconteceu também uma vasta programação cultural com artistas da terra, que tiveram oportunidade de mostrarem seus talentos para um público jovem e entusiasta, com uma bela  apresentação de Lunas Costa, do Bistrô do Matuto. A prefeitura da cidade foi parceira importante, através da Sala do Empreendedor, que esteve presente em todos os momentos da feira, além de outros parceiros que também marcaram presença, como: Guarda Municipal, DEBETRANS, Departamento de Feiras e Mercados, CDL e comércio lo cal. Durante o evento também aconteceram sorteios para pais e alunos, com brindes doados pelo comércio e foi finalizado com show musical, sendo avaliado de forma bastante positiva pela direção da escola e todos que participaram.

Share

O BRILHO DOS PAPANGUS NA FEFOL

O grupo folclórico Papanguarte de Bezerros fez a sua 6ª participação no Festival Nacional de Folclore (FEFOL) em Olímpia/SP, que chega a 56ª edição, com encerramento neste domingo (12). A participação do grupo sob a liderança do Carlos Marques enaltece a cultura dos papangus e o carnaval de Bezerros chamando a atenção da mídia e dos participantes do grande encontro cultural nacional. “É o passaporte para qualquer evento internacional”, comentou em entrevista a Rede Globo. O grupo foi criado no governo do ex-prefeito Lucas Cardoso objetivando a divulgação da cultura local e já viajou por diversos encontros culturais pelo país a fora.

Share

Papanguarte Balé Popular de Bezerros embarca rumo a Olímpia

Pela sexta vez o Papanguarte Balé Popular de Bezerros, participará do Festival do Folclore da Estância Turística de Olímpia (FEFOL), na 54ª edição do maior evento folclórico do Brasil, nesta cidade paulistana, que reúne mais de 40 grupos folclóricos de várias cidades brasileiras. O evento é consagrado em todo país e reuniu um público recorde, mais de 30 mil pessoas na abertura do evento, no Recinto de Exposições e Praça de Atividades Folclóricas e Turísticas Professor José Sant’ana, no dia 04 de agosto, onde também acontecerá o encerramento em 12 de agosto.

O grupo de danças folclóricas bezerrenses embarcou nesta terça-feira, dia 07, no aeroporto Internacional Gilberto Freire/Guararapes, até a cidade Guarulhos-SP, de onde seguiu em ônibus especial até a cidade de Olímpia. Este ano o grupo será acompanhado por 04 músicos da Orquestra F5 e apresentará um remaker do espetáculo Folia do Papangu, com 22 bailarinos, no palco principal, nos ritmos de frevo e caboclinhos. Outras apresentações acontecerão em cortejos e peregrinações pelas ruas de Olímpia e em órgãos públicos, onde nas vezes anteriores o sucesso foi tão grande que alguns jovens olimpienses fundaram um fã clube Papanguarte. Serão 04 apresentações de palco, nos dias 09, 10, 11 e 12, quando acontecerá o grande desfile de encerramento.

Share

Museu Maria Dulce Gomes da Silva. Uma viagem na nossa história

Localizado na Estação da Cultura, na cidade de Bezerros-PE, o Museu Maria Dulce Gomes da Silva, é uma atração imperdível para os visitantes e os próprios moradores da cidade, onde se encontram expostas mais de mil peças, que retratam parte da nossa história. Logo na entrada do museu um sax do músico bezerrense, Aurino Derinalvo, o Aurino do Sax. Ao lado uma homenagem ao rei do baião, Luiz Gonzaga, com fotos, sanfona, LP vinil, vitrolinha, biografia e uma talha do artesão Venceslau.  Também  na entrada, cadeiras que fizeram parte do Cine Alvorada na década de 60 e fotos de alguns prefeitos bezerrenses; seguindo a viagem pelo recinto, podemos ver escrivaninhas, cristaleiras, pratarias, mobiliários e vestuários de membros da sociedade local, em mais de 100 anos de história.

Fundado em 21 de junho de 1992, o museu inicialmente recebeu o nome de Museu da Cidade, mas em 2006, por inciativa do artista plástico Robeval Lima, passou a se chamar Maria Dulce, uma professora bezerrense que foi homenageada ainda em vida; já recebeu mais de 100 mil visitantes, em seus 26 anos, de acordo com livros de visitas que apresentam nomes de grandes bezerrenses, como Lucas Cardoso, prefeito e fundador do espaço e Glória Cardoso, primeira dama a época.  Livros de Ronaldo Souto Maior, historiador, e parte da biblioteca da professora Maia Dulce também fazem parte do ambiente. Máquina de fazer rolete de cana, moinho de milho, birro de fazer renda e corrimboques são peças bem interessantes, pois há muito estão desaparecidas;  num dos espaços mais visitados estão a batina e o chapéu do Monsenhor José Florentino de Oliveira, pároco por muitos anos da Matriz de São José dos Bezerros.

Outros espaços que chamam atenção são os da Rede Ferroviária Federal (REFFESA), com telegrafo, telefone de manivela, urna, farol, bilheteria e carimbador ou o local onde ficam as primeiras tvs, radiolas e rádios do povo bezerrense, inclusive a primeira TV, doada ao museu pela família Neri, tradicional na década de 60.  Utensílios como ferros de passar a brasa, selas para montar, placa da Ponte do Comércio, peças rurais, máquinas de cortar cabelos e até palmatórias, objetos utilizados para punição de alunos desobedientes. Uma máquina de datilografia da escola do professor Antônio Sabino, uma bolsa do advogado Lucas Soares Cardoso, um missário escrito em latim, do Monsenhor Florentino e muitas outras peças relíquias que foram doadas pela população engradecem o Museu Maria Dulce Gomes da Silva.

Share

Vem aí o mais completo documentário sobre Bezerros

Revista Movimentto Documenta, a revista que valoriza Pernambuco, está em Bezerros para registrar e documentar o que há de melhor em nossa cidade.

Há oito anos no mercado editorial do estado de Pernambuco e com mais de 90 edições publicadas, a revista passeia da capital pernambucana, pela Zona da Mata, Agreste e Sertão descobrindo encantos, curiosidades e personalidades que fazem a diferença no estado.

Na edição de número 97 a equipe da revista coordenada por Arijaldo Carvalho, em parceria com a Agência de Comunicação Novas Ideias (NI) de Bezerros, aporta na cidade dos papangus para documentar todo seu potencial turístico, cultural, econômico, agrícola, educacional, tecnológico, religioso e nas áreas da saúde e esportes.

A revista espera levar aos leitores bezerrenses um registro emocionante com uma Bezerros do passado, presente e futuro um reencontro nunca visto antes na história da população bezerrense.

Aguarde, o lançamento será ainda neste mês de agosto de 2018 em grande cerimônia com a presença de autoridades locais, personalidades e a sociedade bezerrense. Um forte abraço!

Share

Bezerros tem forte presença na FENEARTE 2018

A 19ª edição da maior feira de artesanato da América Latina, a Fenearte, está reunindo o melhor do gênero, no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda-PE. As mais surpreendentes criações artesanais do Brasil e do mundo podem ser encontradas no evento. Bezerros, mais uma vez, está marcando forte presença com artes da terra, como quadros, cordéis, xilogravuras, máscaras e produtos temáticos de papangus, esculturas no palito e os tradicionais bolos, bolachas e doces.

Logo na chegada, o destaque fica na Alameda dos Mestres, onde estão os maiores ícones do Estado. Lá se encontram J. Borges, cordelista e xilogravurista, e Lula Vassoureiro, artesão de máscaras de papangu. Ambos foram eleitos Patrimônio Vivo de Pernambuco, motivo de grande orgulho para Bezerros. Em seguida, vem o stand da Associação dos Artesãos de Bezerros, que todos os anos reúne os mais variados produtos. Outros bezerrenses estão espalhados pelos corredores da feira, como os xilogravuristas Severino e Givanildo Borges.

As famosas guloseimas de Bezerros são um dos maiores sucessos da Fenearte e a procura pelas delícias da Capital dos Bolos e Doces de Pernambuco é enorme. A artesã Josy Santos também é figura carimbada no evento, com suas máscaras modernas e outros adereços de papangu, além da artista plástica D’as Neves, com belos quadros que retratam a cultura local. A incrível arte no palito de fósforo fica por conta do talentoso Albino Júnior, com o diferencial da riqueza em detalhes que impressiona a muitos.

Até o domingo, 15 de julho, o público pode conferir todos esses destaques na Fenearte, além de muitas atrações, como desfiles de moda, galeria de reciclados, shows culturais, espaço infantil, rodadas de negócios, entre outras.

Share

Confirmada presença do Papanguarte no FEFOL de Olímpia

Após dois anos sem se apresentar no Festival Nacional de Folclore (FEFOL), na cidade Olímpia-SP, o Papanguarte Balé Popular de Bezerros tem confirmada a sua volta ao palco e as ruas da estância turística onde se realiza o mais importante festival de folclore do Brasil. Esta será a VI   vez que o grupo bezerrense estará no evento, sendo uma das principais atrações, com grandes performances tanto nas apresentações de palco como nos cortejos e peregrinações que acontecem durante o FEFOL, pelas ruas da cidade paulistana. O grupo se apresenta ainda em repartições públicas, oficinas e seminários, além de ser um dos grupos mais solicitados pela imprensa de Olímpia e das cidades vizinhas que dão cobertura jornalística ao festival.

Em agosto de 2018, será o 54º Festival Nacional de Folclore, e os bailarinos e músicos bezerrenses, se apresentarão no Recinto de Exposições e Praça de Atividades Folclóricas Turísticas Professor José Santana, considerada como templo do folclore nacional, na cidade que é oficialmente reconhecida como Capital Nacional de Folclore, através de Lei federal nº 13.566/2017. O Papanguarte apresentará um remaker do espetáculo Folia do Papangu,  com 22 bailarinos e 04 músicos da Orquestra F5  que fará os arranjos musicais; o grupo é esperado na cidade  como um dos mais laureados grupos folclóricos do BrasConfirmada presença do Papanguarte no FEFOL de Olímpiail e em suas participações anteriores foi sempre aclamado por milhares de olimpienses, tendo até um fã clube na cidade, comandado pelo fotografo Gustavo Capellari e a professora Grazielle Silva.

Share