SERÁ QUE DEUS NÃO TEM TE OUVIDO?

Quantas vezes você já se sentiu sozinho mediante as suas lutas pessoais? Quantas vezes você já se perguntou por que tanta coisa não dá certo para você? Quantas vezes você se cansou e pensou em desistir do caminho que não te leva para onde você quer ir? Quantas vezes você se questionou sobre o que tem de errado com você ou com a sua vida para que tudo seja tão difícil de ser alcançado? Acredite, você não é o único a se indagar sobre tantas coisas. Você não é o único enfrentando desafios, quebrando a cara, e buscando respostas. E quer saber, você não é o único que muitas vezes acha que Deus não tem lhe escutado. É comum do ser humano a ideia de sentir-se sozinho, desamparado, injustiçado, e enfraquecido diante dos momentos desafiadores e tempestivos. E todo mundo em algum momento já se inquietou com o silêncio de Deus e a falta de respostas dele perante uma situação em que se precisava muito de uma resolução. É natural do ser humano facilmente se fragilizar mediante o tempo das esperas, do sofrimento e das adversidades. Porém, deixe eu te dizer uma coisa: Deus não se omite, ele não se esconde, e não deixa de ouvir sequer qualquer palavra dirigida a ele. Deus não deixa de responder nunca! E até o silêncio dele é resposta. Portanto, procure entender que muitas fases e coisas que são difíceis para você, são difíceis para outras pessoas também. Mas, ninguém fica uma vida inteira sem resolução ou sem um sinal divino. A questão é ter paciência e ser resiliente para suportar a fase das dificuldades e da ausência de respostas. Ademais, no tempo certo Deus responderá todos os teus questionamentos, e suprirá as tuas necessidades e anseios conforme o que for para ser teu.


A palavra para hoje é CONFIE!


(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br


Share

TRANQUILIZAR AS EMOÇÕES ENQUANTO AS RESPOSTAS E RESULTADOS NÃO CHEGAM

Muitas vezes ficamos inquietos, impacientes e aflitos, por causa da demora diante de certos projetos e objetivos que não se concluíram ou que ainda nem se iniciaram. É sufocante por vezes a angústia da expectativa sobre resultados que ainda não chegaram, e que deles dependem os nossos próximos passos ou as novas direções para nossa vida. Difícil é depender de algo que independe da gente para acontecer, e que infelizmente nos limita a única opção que é a de ficarmos apenas aguardando, sem nada mais poder ser feito. E essa condição de espera, esses momentos de expectativas, essa ausência de resultados e a demora das respostas que ansiosamente desejamos, fragilizam nossas emoções e sabotam nossos pensamentos otimistas,  deixando as situações que estão indefinidas ainda mais pesadas e angustiantes. Porém, não devemos ficar a mercê dessas esperas com o coração e os pensamentos encharcados de nervosismo, ansiedade e impaciência. Estejamos conscientes sobre o tempo de maturação para cada semente que plantamos e para cada ação que já executamos. Por isso, se for necessário esperarmos por algo um pouco mais, esperemos. Se for preciso refazermos nossas investidas mais uma vez, refaçamos. Mas, sejam quais forem as etapas que estejamos vivenciando antes da chegada das respostas ou dos resultados se concretizarem, passemos por esses processos com nossas emoções em equilíbrio, tranquilas, o pensamento sereno e o  coração em paz. 


A palavra para hoje é CALMA.


(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br


Share

QUAISQUER QUE SEJAM AS CIRCUNSTÂNCIAS APRENDAMOS A LIDAR COM ELAS

Muitas vezes quando menos esperamos, diante de alguns dias ou perante algumas situações podemos nos deparar com contextos que jamais imaginávamos enfrentar. E algumas situações podem ser tão inusitadas e divergentes, tão desafiadoras e  limitadas ou tão conflitantes e frustrantes que podemos nos questionar e duvidar se teremos habilidades suficientes para lidar com tais circunstâncias. Todavia, nenhuma situação complexa ou problemática que chega até nós, chega por acaso. Situações assim só chegam a nós por três vias, porque nós mesmos as trouxemos através de escolhas que fizemos, ou por alguém que as trouxeram a nossa vida, ou ainda, por uma providência de existência com o propósito de nos trazer algum aprendizado. Por isso, quaisquer que sejam as circunstâncias dificultosas nós não devemos fugir e nem desistir, mas precisamos encará-las de cabeça erguida, conscientes de que por mais que o momento ou a situação pareça difícil ou impossível de resolução, em algum momento tudo vai passar e alguma solução vai surgir, independente de ser a solução que desejávamos. O importante é que no decorrer desse tempo enquanto as coisas não se ajeitam, nós saibamos lidar com a etapa em que tal experiência vai nos proporcionar alguma lição, ao mesmo tempo em que devemos nos desdobrar para contornar as circunstâncias desagradáveis e insatisfatórias, e saber nos adequar a todo o contexto enquanto nada mudar.


A palavra para hoje é ADAPTAÇÃO.
(Mariana Helena de Jesus)
www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

A NECESSIDADE DE SERMOS MAIS FORTES E RESISTENTES DIANTE DE ALGUNS DIAS

Não é nada fácil a tarefa de conduzirmos nossas responsabilidades diariamente, e alguns dias ou determinados momentos tornam-se extremamente exaustivos ou desmotivadores, em virtude do peso que recai sobre a nossa responsabilidade. E muitas vezes essa tarefa cotidiana de alguns compromissos, de alguns deveres, de algumas obrigações, esgota quase todas as nossas forças e nos permeia de impaciência, de preocupações e de cansaço, mediante os problemas e desafios que surgem para resolvermos. A responsabilidade de administrar, a responsabilidade de gerenciar, a responsabilidade de conduzir, cuidar, decidir, acatar ordens, de ensinar, qualquer que seja a nossa posição perante as responsabilidades assumidas, sempre será exigido de nós muita paciência, atenção, dedicação, compromisso e esforços. Então, é preciso que aprendamos a nos adaptarmos a esses dias mais pesados sem deixarmos que alguns pensamentos sobre desistência possam de fato nos fazer desistir no meio do caminho. Se algumas responsabilidades mais difíceis recaíram sobre nossos ombros é porque possuímos mais força e capacidade do que nós mesmos imaginamos, e por isso, temos condições suficientes para cumprirmos com cada tarefa e de irmos até o final da rota.


A palavra para hoje é FIRMEZA.


(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com

Share

COM IMPACIÊNCIA NÃO HÁ ESPERA SEM SOFRIMENTO

Obviamente ninguém gosta de esperar por algo, por alguém, ou por um resultado. E algumas esperas se tornam tão demoradas que se transformam em um tormento angustiante, no qual o nervosismo e a ansiedade nos atinge profundamente. Por isso, tenhamos mais atenção em nosso comportamento frente as situações com resoluções demoradas, pois não podemos deixar que a impaciência diante de algo que estamos ansiosos para resolvermos ou alcançarmos, nos permei com o sofrimento da aflição pela expectativa. Do contrário, toda espera que precisarmos vivenciar, desnecessariamente vivenciaremos mergulhados no sofrer da impaciência. É possível sim, aguardar o momento das respostas  estando em paz, tranquilo e confiante, porque “esperar” é também compreender e aceitar serenamente a necessidade de aguardar o momento certo do que ainda poderá vir.


A palavra para hoje é TEMPO.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br


Share

REAGIR MESMO DIANTE DAS IMPOSSIBILIDADES E DIFICULDADES

Há dias em que o fardo das responsabilidades e dos problemas que carregamos torna-se mais pesado do que em outros momentos. Há dias em que a rotina repetitiva do nosso cotidiano nos deixa sufocados pelo excesso da mesmice, onde nada muda e nada de novo acontece. A vida por vezes tem um peso imenso, nos acarretando uma inevitável desmotivação ou desesperança nos dias futuros. No entanto,  não podemos esquecer que dias assim fazem parte de toda a experiência humana em seus contextos vivenciados. Ninguém é feliz, pleno, satisfeito, realizado, o tempo todo, em todos os dias. Problemas, limitações, rotinas exaustivas, frustrações, tudo isso é inerente a vida de qualquer pessoa. E assim sendo, sabemos que todas as fases passam, tanto as fases ruins como as boas. Então, mediante cenários e circunstâncias assim, precisamos reagir, buscarmos nos motivar, sem deixarmos que as nossas insatisfações nos provoque tristeza, angústias e desestímulos, nos paralisando diante do que temos para fazer ou resultando no desencantamento pelos nossos dias.


A palavra para hoje é ÂNIMO!


(Mariana Helena de Jesus)
www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

NÃO ESPERE PELOS OUTROS, FAÇA VOCÊ MESMO!

Frequentemente podemos nos decepcionar com várias pessoas, porque muitas vezes nos prendemos a promessa do que elas nos prometeram ou nos garantiram como forma de nos ajudar perante alguma situação. Algumas pessoas inclusive vão além, nos incentivando a dar voos mais altos, porém quando estamos prestes a dar o salto precisando delas como impulso, elas não estão. Noutros contextos, há pessoas que sabem da nossa necessidade de ajuda, sabem do que precisamos, têm como fazer os resultados acontecerem, mas nada fazem. E assim, facilmente nos decepcionamos com aquelas pessoas as quais não imaginávamos nos desapontar. Mas, vida que segue, e a gente precisa seguir mesmo que seja sozinho. Evidentemente que há coisas que dependemos da extensão do outro para que possamos concluir ou conquistar, contudo muitas vezes nos acomodamos na espera de alguém que faça para nós algo que nós mesmos poderíamos fazer se tentássemos correr atrás. Portanto, se você há muito vem esperando a ação direta de alguém que ainda não sinalizou nenhuma atitude, ou se você se frustrou com alguém que faltou na hora que você mais precisou, não se martirize tentando compreender os porquês e nem se inunde de rancor ou tristeza. Muitas pessoas costumam dar o melhor de si para outras, enquanto que algumas nunca vão compreender a extensão prazerosa de se doar aos outros. Por isso, não deposite suas maiores fichas na responsabilidade de alguém, crie coragem, tome a decisão e vá atrás daquilo que pode ser seu, conquistado por você mesmo.


A palavra para hoje é INICIATIVA.


(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

SUPORTAR AQUILO QUE NÃO PODEMOS MUDAR DE IMEDIATO

Sob certos contextos desfavoráveis e conflitantes ou mediante   circunstâncias limitantes e problemáticas, a gente deseja logo de imediato resolver essas situações negativas que nos incomodam e nos preocupam. No entanto, por mais que tentemos, em muitas das vezes em que nos encontramos frente a essas condições insatisfatórias não conseguimos encontrar a solução para resolvermos tais dilemas, mesmo nos esforçando muito para acharmos a resposta. A estagnação de certos problemas ou a repetição daquelas situações indesejáveis que continuam ocorrendo, muitas vezes consomem nossa paz, nos tiram a paciência, o sono, perturbando e preenchendo nossos pensamentos quase que o tempo todo. Mas, não podemos deixar que as inquietações sobre aquilo que não conseguimos mudar imediatamente possam nos atormentar roubando nosso sossego ou mesmo nos levar ao desespero e a revolta. Há coisas, situações e circunstâncias que só podem ser mudadas com o tempo, pois independem dos nossos esforços no agora. E nessas condições a gente precisa manter o controle de nossas emoções e nos fortalecermos espiritualmente, e assim, suportarmos as cargas temporárias que ainda teremos que carregar por um certo período. 


A palavra para hoje é RESILIÊNCIA.


(Mariana Helena de Jesus)

Share

SABER COMPREENDER OS ESTÁGIOS DA ESPERA

Só quem sabe de fato qual grande é o tormento e aflição da condição em esperar por algo, é aquele que está diante de um dilema o qual buscou todas as soluções possíveis e nada conseguiu, ou aquele que está em meio a um contexto tempestivo e desafiador e não conseguiu nenhuma resposta sobre o que fazer. Ou quem sabe também a condição da espera seja uma preocupação angustiante e perturbadora aos que têm urgência para solucionar um problema e só encontrou portas fechadas diante de si. De fato, os contextos problemáticos nos quais nos encontramos ansiosos na expectativa de soluções e respostas tem um peso tão grandioso que só quem está carregando é quem realmente sabe avaliar. Porém, essas angústias,  expectativas, inquietações e pressa não resolvem nada e nem adiantam resultados quando tudo o que tinha que ser feito já foi realizado e a condição agora seja submeter-se ao tempo da espera. É diante dos estágios da espera que nascem as melhores reflexões, que se descobre possibilidades e oportunidades, que se compreende o valor da vitória e a causa da luta, sobretudo, que se aprende a importância do tempo em todos os ciclos da vida. É só passando pelo tempo da espera que se chega ao tempo das resoluções.


A palavra para hoje é PACIÊNCIA.


(Mariana Helena de Jesus)

Share

ATITUDE DIANTE DA ESPERA DOS RESULTADOS E DAS RESPOSTAS

Não é só a vontade de querer alcançar um objetivo que basta para a realização do propósito acontecer. Não é apenas sonhar com uma conquista que já seja o suficiente para que ela se concretize. Também não é apenas uma oração ou conversar com Deus que seja o suficiente para você cruzar os braços e esperar a solução dos teus problemas chegarem e as respostas para tuas esperas caírem do céu. Intenção, vontade, sonho, fé, intimidade com Deus, tudo isso é parte fundamental no processo de projeção, resolução e realização de quaisquer que sejam os propósitos, os planos, os dilemas, situações ou as circunstâncias. Todo contexto que necessita do ato da realização ou da condição de alguma resposta, indispensavelmente precisa também da atitude determinante em dar destemidamente um passo adiante e fazer primeiro tudo o que estiver ao alcance para ser feito, e só então, esperar que a parte por nós inalcançada possa ser feita pela ação divina. É o nosso desempenho em buscar soluções, provocar mudanças, superar desafios e realizar objetivos que faz realmente a gente atingir as possibilidades de sucesso.


A palavra para hoje é AÇÃO.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

NÃO PERMITA QUE PESSOAS OFUSQUEM O SEU BRILHO PESSOAL

Diante de alguns trechos de nosso trajeto é comum nos depararmos com circunstâncias ou situações que por vezes sugam nossa energia positiva e pessoas que nos encharcam negativamente com seu pessimismo, mau humor e intolerância. Mas, seguindo a regra da boa convivência muitas vezes nós buscamos acatar ou ignorar algumas atitudes alheias só para podermos prosseguir adiante sem precisarmos adentrar em um conflito desgastante ou gerarmos discussões desnecessárias. Porém, por vezes também esse nosso posicionamento silencioso e pacificador faz com que nos anulemos diante de nossas opiniões, diante de nossas vontades, e nos sintamos perante alguns contextos angustiados por dentro,  mal compreendidos, e ainda perseguidos ou injustiçados, pois por mais que busquemos apaziguar ou tolerar algumas situações, determinadas pessoas insistem em nos atingir e nos provocar. E pessoas assim, muitas vezes agem negativamente não justificadas por um contexto ou motivo significativo, mas são impulsionadas por seus próprios sentimentos de insatisfações e frustrações consigo mesmas, buscando transferir aos outros as mesmas inquietações e dilemas com os quais elas convivem. Há ainda aquelas pessoas que no fundo sentem-se incomodadas com a luz do outro, com os bons relacionamentos, o sucesso ou com a facilidade e leveza que determinadas pessoas administram suas vidas, e por isso amargamente estão sempre criticando, julgando ou criando pontos de conflitos. Sendo assim, é fundamental reconhecermos nossa importância, nossas virtudes e nossas habilidades, e nos mantermos firmes mediante nossas causas, opiniões e decisões, para que não deixemos nenhuma pessoa nos anular, nos acorrentar e nem nos atingir com sua negatividade, pessimismo, críticas destrutivas ou inveja. Portanto, sigamos acessos com a nossa luz do bem, iluminando nossa vida e a vida daqueles que positivamente nos rodeiam, e ofuscando aqueles que insistem em nos trazer a escuridão.


A palavra para hoje é AUTOESTIMA.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

NOSSAS ESCOLHAS RESULTARÃO NA QUALIDADE DE NOSSAS COLHEITAS

Muitas vezes estamos vindo de um trajeto com uma bagagem muito grande sobre nossas costas, carregando muitas insatisfações e cansaço, nos arrastando há um longo tempo por uma rotina de desafios, problemas, limitações, perdas e frustrações. Alguns percursos de nossa vida de fato não são fáceis, alguns ciclos são muito tortuosos e tempestivos, algumas apostas que fizemos não alcançaram o resultado esperado, alguns objetivos pelos quais nos empenhamos não se concretizaram, algumas pessoas a quem nos doamos não corresponderam nossas expectativas, até que chegamos ao ponto de exaustão e desmotivação. Porém, nenhum desses contextos de vivência está condenado a ser para sempre assim, do mesmo jeito, sem melhoras, sem mudanças. E se faz necessário lembrar que grande parte das consequências do que estamos vivendo no agora são resultados de  nossas próprias escolhas. Portanto, muita coisa pode ser modificada, alguns ciclos devem ser encerrados, algumas pessoas devem ser distanciadas, uma nova rotina deve ser planejada, novos hábitos seguidos e antigos hábitos extintos. Por isso, não basta apenas identificarmos nossas insatisfações, cansaços, frustrações, limitações ou revoltas sobre uma parte de nossa vida que não está dando certo ou que não está surtindo o efeito que esperávamos. É preciso analisarmos o motivo dos efeitos indesejados, a causa inicial dessas circunstâncias negativas e nos determinarmos a mudar,  a fazermos diferente, a não repetir os mesmos erros e nem permanecer neles, e não desperdiçarmos tempo, sobretudo, a não sofrermos desnecessariamente. Nossas escolhas ao plantarmos novas sementes serão fundamentais para o futuro de nossas colheitas. E o nosso posicionamento determinante ao fazermos escolhas assertivas poderão elevar positivamente o grau de sucesso e satisfação de nossas conquistas. Mudanças exigem coragem e iniciativa, e os resultados positivos dependem das escolhas certas que fizermos.


A palavra para hoje é DECISÃO.


(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

ESPERANÇA E POSITIVIDADE PARA ABRAÇAR UM NOVO CICLO

Seja como for a maneira pela qual tenhamos finalizado um ciclo, e independente das dores e decepções e das limitações ou problemas que tenhamos vivenciado perante o percurso que passou, hoje, um novo dia, iniciando a primeira semana de tantas outras nos chama para recomeçar de novo. E recomeçar nos oportuniza fazer um monte de coisas diferentemente de como havíamos feito antes, também nos possibilita iniciarmos coisas que ainda não fizemos, além de traçarmos metas e estratégias para irmos em busca da realização de nossas projeções. Um novo ano nos chama a refletir sobre o que queremos de fato para nossa vida a partir desse recomeçar, o que precisa ser deixado para trás, o que necessita ser mudado, finalizado, concluído, e como queremos viver e estar durante esse novo ciclo. Recomeçar é sempre a chance de abrir uma nova porta que pode nos levar a diversos horizontes e a positivos resultados, mas para abraçarmos essa oportunidade de renovação, de mudanças e conquistas é essencial estarmos confiantes e esperançosos para que a nossa positividade possa influenciar diretamente no sucesso de nossos propósitos.


A palavra para hoje é OTIMISMO.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

O TÉRMINO DE UM CICLO NOS CHAMA PARA REFLEXÃO E NOVOS PLANOS

Quando estamos prestes a encerrarmos mais um ciclo, a concluirmos mais uma etapa do nosso caminho, a finalizarmos mais um período de atividades ou prestes a dizermos adeus para mais um ano, é impossível não avaliarmos tudo que nos transcorreu mediante tais percursos. Todo trajeto exige de nós muitos esforços, dedicação, planos, paciência, adaptações, estratégias, superações e ação. E ao término de alguns desses ciclos podemos trazer conquistas, frustrações, aprendizado, experiência, vitórias e novas perspectivas para novos inícios, para novos recomeços. Diante desse contexto é essencial refletirmos e reavaliarmos como foi a nossa trajetória, o que foi de positivo que obtivemos e o que foi de negativo que precisamos abolir ou evitar no nosso próximo trajeto. Independente das amarguras, tristezas, decepções, perdas, ausências, limitações e desafios que tenhamos vivenciado no transcorrer desse nosso último percurso, renovarmos as esperanças é extremamente necessário para iniciarmos um novo trajeto, e assim podermos fazer novos planos, traçar novas metas, mirar novos objetivos, perseverar em antigos projetos que ainda não alcançamos, alimentar sonhos, criar expectativas, e nos enchermos de positividade e otimismo para um período de possibilidades e oportunidades. Mas é indispensável lembrarmos que um ciclo positivo, com  realizações, vitórias, bons resultados e sucesso geralmente só ocorre quando realinhamos nossas ideias, avaliamos o caminho, direcionamos estratégias, estabelecemos metas, avaliamos as possibilidades, identificamos as chances, e partilhamos com Deus tais propósitos.


A palavra para hoje é PLANEJAMENTO.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

CERTAS CIRCUNSTÂNCIAS NOS EXIGEM MUDANÇAS

Algumas vezes nos deparamos com situações conflitantes que parecem tão pesadas ou tão difíceis de resolução que nos sentimos impotentes perante elas. Noutras vezes ficamos tão cansados de lidarmos frequentemente com os mesmos contextos ou com pessoas que sugam nossas energias, que esgotam a nossa paciência, que dificultam nossos dias, ou até mesmo que interferem tão negativamente em nossa vida, que nos danificam por dentro a ponto de nos distanciar de nós mesmos. Situações, circunstâncias ou pessoas que não somam positivamente, que nos cercam com problemas e preocupações, exigem de nós um posicionamento mais determinante, diferentemente da maneira com a qual estávamos agindo sem surtir efeito. O fato é que não podemos nos deixarmos refém de algumas pessoas ou de alguns contextos problemáticos. É necessário que mediante essas circunstâncias angustiantes e insatisfatórias a gente perca o medo de sair do lugar, porque muitas vezes é necessário quebrar o comodismo e deixar a nossa zona de conforto para provocarmos mudanças, mudança de atitude, mudança de estratégia, mudança de rota, mudar de opinião, finalizar um ciclo para que finalmente as soluções e os resultados cheguem. Algumas coisas vão continuar se repetindo em nossa vida até que tomemos o controle e reajamos de forma assertiva. Mudar não é fácil, encerrar um ciclo dar medo, recomeçar assusta, mas se a gente não fizer a mudança que tem que ser feita, continuaremos nos arrastando em meio aos mesmos dilemas, sem justificativa para reclamarmos.


A palavra para hoje é CORAGEM.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

NÃO DEIXEMOS QUE NENHUM SOFRIMENTO NOS TORNE ESCRAVOS DA DOR

Não é fácil atingir um processo de cura e de superação quando estamos ainda com nossas feridas abertas sangrando por dentro,  enfrentando momentos atordoados pela dor de uma perda, pela dor de uma saudade, pela dor de um término, pela dor da tristeza, pela dor de nossas insatisfações, pela dor de nossas emoções, pela dor de nossas limitações, ou mesmo pela dor de nossos medos. Nada é fácil diante da dor que nos dilacera o coração e angustia nossa alma mediante nossos dias, envoltos em sofrimentos por causa de tantos problemas e desafios que enfrentamos. Porém, embora a dor possa nos devastar com sua força, ela não é mais forte do que nós, do que nossa essência, e nem fica no controle de nossa vida se nós não deixarmos. Infelizmente não existe fórmula mágica, fácil e rápida que nos ensine a excluir a dor de nossas vidas. Todavia, muitas vezes doer pode ser inevitável, mas não nos obriga a viver como escravos permanentes desse sofrer. Contudo, apenas nós mesmos é que podemos adestrar nossa dor, que podemos nos impulsionarmos sobre ela e assumirmos o controle de nossas emoções e de nossos passos. Ninguém está ileso de doer, nem tão pouco condenado a viver doendo por toda a sua vida. E posicionar-se contra a sua própria dor não é parar de doer, é apenas conseguir seguir em frente mesmo propenso a doer de novo. E compete individualmente a cada um de nós a decisão de conviver com dor  permanecendo infeliz, ou simplesmente viver intensamente a vida sabendo administrar a própria dor. O poder da decisão é uma dádiva que podemos usufruir todos os dias.


A palavra para hoje é ESCOLHAS.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

LEVANTAR E SEGUIR EM FRENTE É PARA QUEM NÃO PERDE A ESPERANÇA

A vida é uma incógnita com direções e finais imprevistos. A gente faz os planos, a gente sonha com as realizações, a gente acredita que o melhor sempre está por vir, e  por vezes até deixamos de fazer algo no agora esperando o depois, como se estivéssemos o tempo todo no controle da nossa própria vida. Daí, por vezes a vida muda a rota, os ventos mudam a direção, o sol se esconde, o céu fica nublado, e tudo parece desmoronar. Inesperadamente nos vimos em meio a uma tempestade, enfrentando problemas e desafios jamais imaginados, sofremos dores, decepções, quedas, e não sendo o bastante, sofremos irreparáveis perdas.  Infelizmente a nossa vida pode mudar negativamente de repente. Resistir, superar, levantar e seguir em frente muitas vezes parece algo impossível além das nossas forças, devido as nossas limitações, dores, sofrimentos, medos e feridas abertas. Todavia, apesar das circunstâncias, levantar e seguir em frente é possível sim! Não é fácil, é uma tarefa dolorosa que requer muitos esforços, mas extremamente necessária. Portanto, não importa qual seja a guerra que estejamos enfrentando, o desafio que precisemos vencer, a dor que necessitemos superar, a decisão que tivermos que tomar, a ferida que precisemos cicatrizar ou o ciclo que precisemos finalizar, nós podemos! Se acreditarmos que podemos e se não perdermos nossa conexão com Deus, haverá uma força restauradora fluindo dentro da gente que nos levará até onde tenhamos que ir.

A palavra para hoje é FÉ.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

NÃO DESISTIR DO FUTURO POR CAUSA DAS EXPERIÊNCIAS RUINS JÁ VIVIDAS

De alguma forma, mesmo quando nos “recuperamos” dos ferimentos de uma queda, a gente permanece “propenso” a sentir dor e a cair muitas outras vezes. E às vezes leva um longo tempo para a gente se “recuperar” de algumas perdas, de algumas decepções, de algumas desilusões e de alguns ferimentos. E demora tão pouco para que sejamos feridos novamente, machucados desprevenidamente, ou até mesmo jogados ao fundo do poço. Em meio às turbulências dos relacionamentos, perante as fragilidades dos laços em construção, e mediante todas as relações, a vida nos ensina diariamente que não temos “garantia” contra quedas e sofrimentos, que não podemos nos proteger inatingivelmente das dores que podem penetrar nosso coração e desestabilizar nosso equilíbrio emocional, racional ou espiritual. Portanto, independente do número de cicatrizes que cultivamos, das experiências negativas que vivenciamos, das decepções que nos desapontaram e das feridas que nos fizeram sangrar, nós não estamos “condenados” a perecer diante das circunstâncias dolorosas. Todavia, poderemos sempre “reagir”, enxugar as lágrimas, levantar a cabeça, dar adeus para as histórias desgastantes, refletir nas possibilidades de mudanças, e encerrar os ciclos desfavoráveis, porque a vida é constituída de “términos e inícios”. E apesar do coração ainda dolorido perante muitas situações, a melhor saída é encher-se de “esperança” e de “coragem” para iniciar novas rotas.


A palavra para hoje é RECOMEÇO.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

AS RECONSTRUÇÕES E SUPERAÇÕES QUE A VIDA NOS PROPORCIONA

Quando alcançamos uma vitória sobre algo que estávamos perseguindo, significa que a vida está de alguma forma nos recompensando por todos os nossos esforços. Quando nos levantamos depois de uma queda diante de um fracasso, de uma decepção, ou de uma desilusão, significa que a vida está nos dando outra oportunidade para continuarmos seguindo em frente. Quando nos vemos no fundo do poço, sem saída, cercados de obstáculos, afundados em problemas, significa que a vida está nos proporcionando a chance de “reagirmos” e descobrirmos a gigante intensidade de nossa força. Tudo isso quer dizer que a vida todos os dias nos presenteia com a possibilidade de nos superarmos perante todos os desafios, e com a oportunidade de nos renovarmos mediante os dias pesados e repetitivos. Então, se “hoje” for um dia de perdas ou conquistas, de sofrimentos ou de alegrias, de aflições ou de respostas, de cansaço ou de esforços, de impossibilidades ou de realizações, seja como for, a vida está querendo nos “ensinar” algo através das circunstâncias, sejam elas favoráveis ou indesejáveis. Portanto, precisamos ter a consciência de que a “vida” quer nos dizer que independente da situação de “agora”, a gente sempre pode está se transformando, melhorando, superando, se reconstruindo, e se renovando.
A palavra para hoje é RESTAURAÇÃO.

(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share

MOMENTO DE ESPERAR

Por mais “insolucionável” que uma situação se apresente, haverá sempre uma saída, um ponto final, que encerra o ciclo da dificuldade e que inicia o ciclo da superação. Nenhum “período de espera” é infindável, nenhuma “oração” se perde ao vento, e assim como os momentos de aflições terminam, os dias de tempestades também passam. Embora haja situações difíceis que perece que vão se perpetuar em nossa vida, a qualquer momento algo bom e inesperado pode acontecer e mudar o roteiro dos nossos passos, pois é assim que Deus trabalha, de um jeito “extraordinário” na vida daqueles que se entregam a Ele, e que confiam e esperam a providência dEle. Claro que não é tão simples e nem tão fácil manter-se confiante o tempo todo, especialmente em meio aos ventos das adversidades, mas manter a chama da “esperança” acessa, por menor que seja ela, é a maneira mais discernida de dizermos para Deus que nos submetemos ao seu tempo, mesmo sendo tão difícil esperar.

A palavra para hoje é RESIGNAÇÃO.
(Mariana Helena de Jesus)

www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

Share