Papanguarte comemora 24 anos de existência e resistência em defesa da Cultura

Papanguarte celebra hoje, quarta-feira (20/01), 24 anos de existência e resistência em defesa e propagação da cultura popular, em especial, aos Papangus de Bezerros. É um trabalho árduo e de muitas lutas e conquistas mas quando se faz com Amor e respeito as diferenças as coisas fluem e os frutos aparecem através do reconhecimento seja por parte do público, poder governamental e principalmente por todos aqueles fazedores mestres e defensores da cultura nas suas diversas linguagens. Que o Deus das Artes e da Beleza iluminem nossos caminhos trazendo Paz Saúde Amor União Harmonia e muito Sucesso. Papanguarte – o prazer de dançar a Cultura Pernambucana. Cheiro no coração de todos ❤💚💛💙

Por Carlos Marques

Share

“Quando Fevereiro Chegar”: projeto rememora Carnaval de Pernambuco com ocupações no Capibaribe”

Fevereiro não vai chegar. Ao menos para o melhor Carnaval em linha reta do mundo, que alterna entre o sobe e desce das ladeiras de Olinda, o saudosismo do Bairro do Recife e a tradição dos papangus de Bezerros, entre tantos outros simbolismos que faz da Folia de Momo um habitat de orgulho para quem é ou passa pela ‘Terra dos Altos Coqueiros’.

Mas ao contraponto do vazio da época, (re)leituras de ocupação de espaços e, sobretudo, de sentimentos aflorados, são bem-vindos, tais quais as que serão explorados nesta sexta-feira (15) pelo grupo pernambucano Estesia, que inova na interpretação do refrão clássico “Chorando e Cantando”, leia-se: “Quando Fevereiro Chegar”, trecho da composição de Geraldo Azevedo e Fausto Nilo e que dá nome ao single disponibilizado nas plataformas digitais, com transmissão ao vivo pelo Instagram do projeto, às 17h, direto do Bairro do Recife.

O lançamento, acompanhado de intervenções que seguem pelo rio Capibaribe com projeções de luz e laser na vegetação, nas pontes e moradias, traz nos vocais a cantora, compositora e poeta Nina Oliveira, voz lampejante no documentário “AmarElo”, de Emicida, recém-lançado pela Netflix.
 
A artista vai interagir em live, diretamente de São Paulo, com Carlos Filho, integrante do Estesia. Cleison Ramos, Miguel Mendes e Tom BC completam o grupo e estarão a postos nas interferências artísticas nas ruas.

Continue lendo em Folha de Pernambuco

Share

CENAS DE CASA (ESPETÁCULO DE TEATRO ON-LINE)

SINOPSE
O espetáculo on-line CENAS DE CASA é uma realização da Cia. de Teatro Os Filhos de Pã e da empresa Casa do Plantio, e tem o objetivo de promover uma conscientização sobre a preservação do meio ambiente. CENAS DE CASA, novo espetáculo da Cia. convida os espectadores virtuais a visitarem a casa (ateliê de criação) de cada artista nesse período de pandemia, revelando cenas diversas do mundo particular de cada ator em sua poética de criação. O espetáculo procura refletir sobre as ações do ser humano e suas consequências no planeta, desde ações do cotidiano a questões sociais mundiais, do regional ao universal, do micro ao macro, enfatizando a consciência da ligação homem/natureza para construção de seres mais humanos e um mundo melhor.

Como participar?
1 – O espetáculo tem entrada gratuita e acontecerá dia 19/12/2020, às 15h, pelo Google Meet, através do link: https://meet.google.com/yjp-boeh-pjp
2 – Será permitida a entrada no evento 15 minutos antes do início. Haverá uma tolerância de 10 minutos para que os participantes ingressem no evento.

FICHA TÉCNICA:
Espetáculo: CENAS DE CASA
Elenco: CRISTINA SILVA, FRANCISCO GOUVEIA, ISABELLE FERRAZ, JOÃO PAULO SOUTO MAIOR, LUCAS VASCONCELOS, ROMERO MENDES, SABRINA ALMEIDA
Direção: FRANCISCO GOUVEIA
Assessoria de Comunicação: ISABELLE FERRAZ, FRANCISCO GOUVEIA
Classificação: LIVRE
Data/Hora: 19 de DEZEMBRO 2020 às 15h
Entrada: GRATUITA
Duração: até 2 HORAS
Realização: CIA DE TEATRO OS FILHOS DE PÃ
Patrocínio: CASA DO PLANTIO

Share

Vice-prefeita eleita recebe homenagem em cordel

A pedido de Maria das Graças Silva Ferreira (Gal), e baseada nas informações da mesma, fiz esse poema de Cordel em homenagem a Dona Socorro Silva.

SOCORRO SILVA
Uma trajetória de sucesso

(01)
Dona Lica sua mãe
Mulher devotada ao Lar
Seu genitor era Inácio
Pai de família exemplar
Valente caminhoneiro
Nada deixava faltar

(02)
Um casal abençoado
A seus filhos ensinaram
A ética honestidade
Pois isso eles praticaram
Hoje vemos claramente
Que a lição assimilaram

(03)
Prole bem numerosa
Socorro foi a primeira
Um orgulho pra família
Cada um nela se espelha
Uma verdadeira amiga
Boa ouvinte conselheira

(04)
Lembrando a Rua do Campo
Hoje Professor Amaral
Aquela jovem educada
Muito fina cordial
Trazia sempre no rosto
Um sorriso angelical

(05)
Como era estudiosa!
Vivia com um livro na mão
Entendia desde cedo
Que o progresso da Nação
Chegaria com certeza
Através da Educação

(06)
No Nossa Senhora das Dores
Colégio de nossa cidade
Concluiu o Magistério
E nessa mesma Unidade
Começou sua docência
Mostrando capacidade

(07)
Educação Física, ela cursou
E também Pedagogia
São as suas formações
Só lhe trouxeram alegria
E também lhe acrescentaram
Mais e mais sabedoria

(08)

A menina inteligente
Concurso importante prestou
Aprovada de primeira
Com distinção e louvor
Uma professora da Rede
Estadual se tornou

(09)
Ensinando com esmero
Nela prestaram atenção
Foi escolhida pra algo
Uma importante missão
Do CEREQ em Bezerros
Assumir sua gestão

(10)
E por vinte e cinco anos
Com afinco trabalhou
Com simplicidade e carisma
A todos ela conquistou
Querida e admirada
Muitas saudades deixou

(11)
A carreira de Socorro
Por ali não se encerrou
Novos desafios surgiram
Outros caminhos trilhou
Empecilhos? Teve muitos
Ela a todos derrotou

(012)
Secretária de Educação
Aqui em nosso município
Em duas ocasiões
Cumpriu com honra esse ofício
Buscava incansavelmente
Pra Bezerros benefício

(013)
Da GRE em Caruaru
Socorro foi inspetora
Da EREM e do CEEETA
De Bezerros foi gestora
Do SENAC em Recife
Grande capacitadora

(014)
Sua fama se espalhou
Ninguém pode segurar
Trabalhou lá em Sergipe
Piauí e Ceará
Cumprindo o seu propósito
O Saber compartilhar

(015)
No nosso querido Estado
Cooperou sem vacilar
No CEEETA em Panelas
Caruaru Gravatá
Belo Jardim e Vertentes
Não deixando a desejar

(016)
Diretora do CEMAIC
Não podemos esquecer
Aqui em nossa cidade
E todos puderam ver
Seu amor a profissão
Fez a escola crescer

(017)
A sua fama rompeu
As porteiras do Nordeste
A sua desenvoltura
Foi vista lá no Sudeste
Onde ela põe o pé
O progresso acontece

(018)
CEREQ Boa Esperança
Lá no Espírito Santo
Instituto João Pinheiro
“Belozonte”, não me espanto
Pois sua genialidade
Reluz em cada recanto

(019)
Tantas experiências
Só puderam culminar
Em um convite especial
Não podia recusar
Entrar firme na política
Nossa cidade ajudar

(020)
Lucielle ex-aluna
Moça muito preparada
Convidou a sua mestra
Pra uma grande empreitada
Ser sua vice-prefeita
Ela topou a parada

(021)
Dona Socorro ao longo
Da sua frutífera vida
Fez amigos especiais
Na cidade Campo Vila
Educadora sem igual
Por todos reconhecida

(022)
E na última eleição
O carinho foi demonstrado
Ex-alunos ex-colegas
Todo mundo empolgado
Ex-funcionários também
Nas urnas deram o recado

(023)
Elegeram Lucielle
Como prefeita da gente
Socorro, vice-prefeita
Uma dupla eficiente
Com a benção do SENHOR
Tudo será diferente

(024)
A escolha partiu de Deus
A mudança era mister
Numa campanha bem limpa
Regada com muita Fé
Foi mostrada a Bezerros
Grande Força da Mulher.

Josileide Cantalice

Share

Cineasta informa sobre prorrogação de premiação da Lei Aldir Blanc.

Atenção aos artistas de Bezerros.
Inscrições para o edital de premiação da Lei Aldir Blanc prorrogadas até o dia 30/11.
Trata-se de um recurso federal que foi destinado à todos os municípios do Brasil e que veio para socorrer o setor cultural.
Caso saiba de alguém que se enquadre em uma dessas linhas abaixo (que são as linhas que tiveram menos inscrições) faça uma boa ação e ajude essa informação a chegar até as pessoas.
O edital está disponível no site da Prefeitura de Bezerros.

Marlon Meirelles

Share

A Cia. de Teatro Os Filhos de Pã se reinventa na Pandemia utilizando os recursos das tecnologias!

O mercado cultural sofre grandes consequências devido à Pandemia. O vírus está presente, mas não pode impedir que a Arte aconteça! Assim, artistas da cidade de Bezerros da Cia. Os Filhos de Pã, vêm realizando atividades artísticas virtuais através de aplicativos.
Segunda dia 31/10, a Cia estreou o II Sarau Performático Literário, uma ação solidária da companhia para promover o bem-estar da sociedade e levar Teatro, Literatura, Arte e Cultura para dentro das casas. O evento teve o objetivo de homenagear os escritores bezerrenses e foi um sucesso com participação de pessoas de todo o Brasil, alcançando um grande número de espectadores on-line.
“Sentimos a necessidade de dizer algo, de nos movimentarmos nesses tempos tão difíceis. A Arte humaniza, cura e faz transcender. Assim como a Arte tem nos ajudado, queríamos contribuir com a sociedade através do nosso Teatro!” Afirma, Francisco Gouveia, diretor da Cia. Os Filhos de Pã.
Conheça a ficha técnica do evento. Elenco: CRISTINA SILVA, FRANCISCO GOUVEIA, ISABELLE FERRAZ, JOÃO PAULO SOUTO MAIOR, LUCAS VASCONCELOS, MIGUEL MELO, ROMERO MENDES, SABRINA ALMEIDA. Assessoria de Comunicação: ISABELLE FERRAZ, FRANCISCO GOUVEIA. Direção: FRANCISCO GOUVEIA.
Para conhecer e acompanhar mais novidades da Cia. Os Filhos de Pã, segue o perfil no instagram: @osfilhosdepa. Viva o Teatro!

Share

Livro se esgotaram

Queridos amigos e amigas! A segunda edição do meu livro “Aprenda Inglês Sozinho” está sendo encomendada, sendo assim, informo aos amigos que não conseguiram adquirir seus exemplares na primeira edição, que os mesmos já podem fazer suas reservas para garantirem seus livros.

O prazo de recebimento será de aproximadamente 30 dias. Agradeço mais uma vez toda consideração e carinho na aquisição, principalmente aqueles que acompanharam o lançamento. Forte abraço!

Pierre Pessoa

Share

Pierre Pessoa lança livro no dia 19 de setembro

Falar Inglês nunca foi tão importante e necessário como nos dias de hoje. É possível chegar a essa fluência sozinho, utilizando de materiais alternativos? Embarque nessa obra e terá suas próprias conclusões.

De família simples e oriundo de escola pública, Pierre Pessôa desmistifica e simplifica de forma direta e objetiva com metodologia, técnicas, dicas e relatos da sua vida como ele conseguiu se tornar fluente em Inglês sendo quase um autodidata. Com muita disciplina e dedicação, o autor tornou-se não só fluente em Inglês, mas professor e proprietário da rede de escolas Smart Fluent, onde abriu unidades nas cidades de Bezerros, Sairé e Bonito/PE.

Preste a abrir outras escolas noutros municípios, ele se sente no dever de democratizar esse conhecimento, não só através das suas escolas, mas principalmente para aqueles que queiram seguir seus passos e tornarem-se fluentes em Inglês também.

Pierre Pessoa

Share

Autodidata em inglês, Pierre Pessoa lança livro em breve

“Falar Inglês nunca foi tão importante e necessário como nos dias de hoje. É possível chegar a essa fluência sozinho, utilizando de materiais alternativos? Embarque nessa obra e terá suas próprias conclusões.

De família simples e oriundo de escola pública, Pierre Pessôa desmistifica e simplifica de forma direta e objetiva com metodologia, técnicas, dicas e relatos da sua vida como ele conseguiu se tornar fluente em Inglês sendo quase um autodidata. Com muita disciplina e dedicação, o autor tornou-se não só fluente em Inglês, mas professor e proprietário da rede de escolas Smart Fluent, onde abriu unidades nas cidades de Bezerros, Sairé e Bonito/PE.

Preste a abrir outras escolas noutros municípios, ele se sente no dever de democratizar esse conhecimento, não só através das suas escolas, mas principalmente para aqueles que queiram seguir seus passos e tornarem-se fluentes em Inglês também.”

Share

Teatro se reinventa na Pandemia

Nesse sábado(22), a Cia. de Teatro Os Filhos de Pã, da cidade de Bezerros-PE, companhia que existe desde 2013, realizou o I Sarau Performático On-line da cidade.
O evento solidário teve o objetivo de contribuir com o bem-estar da população em situação de isolamento social e homenagear os escritores da cidade.
O Sarau teve participação de pessoas de várias regiões de Brasil, com um grande público participante.
“É o Teatro reinventando-se nesse período, os artistas procurando meios de fazer Arte, de se comunicar, de chegar ao público. Nós como artistas devemos ter consciência do nosso papel no mundo. Com a nossa Arte conseguimos transformar o mundo em um lugar mais humano, sensível e crítico.” afirma Francisco Gouveia, diretor da Cia. Os Filhos de Pã.
A Cia. Os Filhos de Pã, segue na pesquisa e produção para realização de mais eventos artísticos pelo ambiente virtual. Acompanhe o trabalho da cia pelo Instagram: @osfilhosdepa

Share

Papanguarte participa de FESTIVAL em SP

O fundador e diretor do Papanguarte, Carlos Marques,anuncia live da apresentação do grupo pela internet. “É com grande prazer que convidamos você para prestigiar a nossa apresentação no 56° FESTIVAL DO FOLCLORE DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE OLIMPÍA .

No dia 13/08 quinta-feira, a partir das 20h00

Share

Prefeito intermedia cadastro para auxílio cultural do Governo Federal

Em virtude do estado de calamidade pública ocasionado pelo coronavírus, o setor cultural se viu impossibilitado de exercer suas atividades culturais. Com isso, foi sancionada a Lei 14.017/2020, denominada de Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, que dispõe ações emergenciais destinadas ao setor cultural durante a pandemia.

O texto prevê o pagamento de três parcelas de um auxílio emergencial de R$ 600,00 mensais para os trabalhadores da área cultural, além de um subsídio para manutenção de espaços artísticos e culturais, microempresas e pequenas empresas culturais, cooperativas e organizações comunitárias. Poderão receber o benefício profissionais da cultura com atividade interrompida pela pandemia que comprovem atuação nas áreas artísticas nos 24 meses anteriores à data da publicação da lei, ter renda familiar mensal per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até 3 salários mínimos e estar inscrito em pelo menos um dos cadastros mencionados no artigo 7º da lei.

O cadastro tem início nesta segunda-feira (6) e segue até o dia 30 de julho. Para receber o auxílio emergencial, os profissionais da cadeia produtiva cultural deverão preencher o cadastro online, que está disponível através dos links:

Além disso, é necessário levar toda a documentação exigida até a Secretaria Municipal de Turismo e Cultura (Seturc), localizada na Rua XV de Novembro, 35, Centro. A cartilha completa com todas as informações sobre o benefício está disponível no site www.bezerros.pe.gov.br . Vale lembrar que o cadastro está sujeito a análise de aprovação do Governo Federal. Mais informações, através do telefone: (81) 3728-6706.

Share