Mesmo com quarentena mais rígida, moradores de Bezerros enfrentam filas para serviços bancários

NE10 interior

Fila da Caixa Econômica no centro de Bezerros (Reprodução/TV Jornal Interior)

Esta segunda-feira (29) foi a primeira da quarentena mais rígida em Bezerros, no Agreste de Pernambuco. Apesar disto, havia movimentação intensa no centro pela manhã. Na Rua Coronel Bezerra, onde fica a agência da Caixa Econômica Federal (CEF), a fila estava dobrando a esquina. Outro grupo de pessoas aguardava atendimento em uma casa lotérica próxima.

“É muito estranho, as coisas estão muito complicadas, difíceis, e as pessoas têm que tomar cuidado. Realmente não é fácil”, disse o agricultor Rivaldo José da Silva, que estava esperando atendimento na Caixa. A fiscalização do cumprimento da quarentena é realizada pela Polícia MilitarCorpo de Bombeiros, e Guarda Municipal, principalmente no que diz respeito a estabelecimentos que insistem em abrir, mesmo sem autorização. Dois lavatórios para a higienização das mãos foram instalados em frente à Câmara de Vereadores do município.

Para o prefeito do município, Breno Borba, os 10 dias de quarentena, que acabam em 5 de julho, serão cruciais para o controle da covid-19 na região. “A Guarda Municipal está fazendo seu trabalho de orientação, a Vigilância Sanitária está conversando com os estabelecimentos, e a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros fazendo uma parceria conosco com essa fiscalização no entorno da cidade, orientando as pessoas a ficar em casa nesses dias”, destacou.

Share

Os comentários estão desativados.