Ex-prefeito avalia gestão Lucielle como desastrosa

Em entrevista à Rádio Cidade de Caruaru nesta segunda-feira (27), o ex-prefeito de Bezerros, Breno Borba (SD), disse que a gestão da atual chefe do Executivo municipal, Lucielle Laurentino (UB), é “desastrosa”.

“Ela [Lucielle] recentemente anunciou que recebeu um prêmio de gestão do Sebrae, mas esse prêmio não reflete o que acontece na cidade. O acesso principal, que tem pra Serra Negra, tava atrapalhando muito trânsito por causa da buraqueira, uma coisa absurda, os carros têm que ir pra contramão pra poder passar pelos buracos. Na questão da saúde, eu recebo pedidos de ajuda de um grupo de mães de filhos autistas que não estão tendo o atendimento que acontecia na gestão nossa, pra terem os direitos precisaram ir ao Ministério Público”, apontou o ex-prefeito.

Ainda na entrevista, o ex-gestor classificou o atual governo municipal como a gestão das fotos e flashs e críticou o inchaço da máquina pública. “A preocupação dela é só bater a foto, de mostrar – em novembro de 2021 ela fez um anúncio, que recebeu do governo federal 15 caixas d’água pra fazer o abastecimento da zona rural, nós estamos em junho, essas caixas d’água estão no mesmo local onde foram entregues. A informação que eu tenho é que onde tinha duas ou três pessoas trabalhando, hoje tem sete, oito, nove pessoas trabalhando – pra quem é ligado à secretária de Saúde, que é de Sairé e trouxe toda sua equipe de fora, essas pessoas ganharam gratificação Covid, sem passar pela Câmara para autorização, sendo pago com dinheiro da Covid, que a lei não permitia, então ela simplesmente fez uma portaria e tá pagando a essas pessoas que são de uma fora, pagando R$ 1.500, inclusive a funcionários de outras secretarias. O Ministério Público abriu uma investigação e tá com processo contra a prefeita em relação a essa gratificação Covid, por apropriação indébita”, reiterou.

Do Caderno Bezerrense

Share

Os comentários estão desativados.