DOS BASTIDORES DA POLÍTICA DE BEZERROS

RESUMO POLÍTICO

SUCESSÃO ESTADUAL

Os palanques para governador devem por em lados opostos em Bezerros os simpatizantes do senador Armando Monteiro(PT) e Eduardo Campos (PSB). Armando já coloca sua candidatura como certa, enquanto que o governador Eduardo costura alianças para o seu projeto presidencial, mas sem se descuidar da sua sucessão.  Os socialistas não apoiarão Armando e a tendência é lançar um nome próprio. Na última semana, o nome do ministro Fernando Bezerra ganhou força no grupo, porque ele acompanhou o partido do governador quando decidiu sair do governo Dilma (PT).

Em Bezerros, a julgar pelas imagens divulgadas, o grupo da ex-prefeita Bete de Dael tende seguir com Armando Monteiro, enquanto que o grupo do prefeito Branquinho, Fernando Bezerra, caso este seja realmente o candidato de Eduardo Campos.

A confusão ficaria entre algumas lideranças locais, uma vez que o PT estaria alinhado ao PTB. O ex-prefeito Marcone juntamente com o seu filho, o vice-prefeito Breno, estariam prontos para sair da legenda. O PT  conta com os vereadores MI e Eugênio, este fiel escudeiro do PT.

JÁ FOI PIOR

Imagem: Portal Bezerros

Bezerros já viveu dias piores na organização do trânsito, com ruas sem asfaltos, inexistência de semáforos, falta de orientadores de trânsito, sem faixas de estacionamentos e ruas de mão dupla quando  deveriam ser de sentido único (Rua Cel. Bezerra).  Hoje, não se pode afirmar que estamos no patamar ideal e é óbvio que se faz necessário alguns ajustes, até porque houve o aumento considerável de veículos circulando pelas nossas ruas.  Um dos pontos necessários, para que não tenhamos um trânsito estrangulado nos próximos anos, deve-se ao projeto de uma nova ponte no chamado paredão do rio. O projeto inclusive já foi iniciado, mas ficou esquecido com o passar do tempo. A nova alternativa de trânsito daria maior mobilidade, por que a Ponte Geraldo Peixoto (Comercio) passaria a ter sentido único, via centro da cidade. Com a mudança, os pedestres não ficariam no ‘fogo cruzado’, uma vez que o semáforo não garante que o trânsito pare por completo.  O pedestre deve ter sempre a preferência e é nesse ponto que as ações devem ser priorizadas, principalmente com a desobstrução das calçadas. Atualmente, somos praticamente empurrados para as ruas. Daí, a importância da 1ª Audiência Pública, que tratou do tema Acessibilidade e Mobilidade, realizada na cidade.

OUSADO 

O projeto Natal na Serra é ousado e muito importante para o turismo local. Quem sabe, não descobrimos outro importante atrativo para a região, assim como aconteceu com o Natal de Gravatá. Há uma opinião quase unânime de que tudo que for realizado na Serra Negra dará certo e por isso  a nossa aposta. Serra Negra, aliás, precisa de um calendário de evento mais fortalecido, como a Semana Santa e também o resgate do seu Eco Festival, total sucesso na década passada. O São João dispensa comentários.

AJUSTES

Mesmo com total discrição, já há um forte boato nos bastidores da política de ajustes na equipe do prefeito Branquinho (PSB). Duas pastas teriam seus titulares destituídos logo em breve. O fato já teria inclusive chegado a Câmara de Vereadores, que pode receber dois suplentes de vereador, uma vez que titulares podem assumir os cargos de primeiro escalão do governo. Os suplentes de vereador Milson (PSB) e Jr. Borba (PT) são as apostas.

O CAUC

O prefeito Branquinho (PSB) informou ao vereador Eugênio(PT) que o município está prestes a se livrar do CAUC, restando apenas uma pendência. O feito, quando realidade, mostrará o quanto o governo anterior foi desastroso nesse sentido, ao preferi derrubar a pendência via justiça em detrimento aos ajustes que deveriam ser feitos. Livrando-se da pendência, o município de Bezerros já pode sacar os recursos destinados às obras da estrada de Sapucarana, valor que já foi empenhado pelo Governo Federal, através de uma emenda parlamentar. Outros projetos podem sair, porque as emendas parlamentares destinadas a obras dependem do Cadastro Único de Convênio/CAUC.

10  ANOS

O bezerroshoje comemora dez anos de atuação em Bezerros promovendo  um  bloco com trio e banda. O evento será no final de novembro e as atrações já estão quase definidas. A festa contará com importantes apoios e deve proporcionar muita diversão para os foliões. A conferir!

CURTAS

Bonita homenagem dos alunos do EREM/Bezerros ao cantor e compositor Dominguinhos, que teve seu corpo levado para sua terra natal, Garanhuns.

Pesquisas mostram que Bezerros é o município vizinho onde mais a população tem  utilizado dos serviços dos shoppings  de Caruaru. Daí imagina-se a tamanha frustração dos bezerrenses que foram atraídos por uma mega  promoção inexistente.

O governo do estado já ofereceu vantagens para que as operadoras de se instalem em regiões rurais de Bezerros, como Sítio dos Remédios e Areias. Resta sabe qual delas terá esse compromisso.

Mais de cinco mil pessoas fizeram a inscrição do concurso pedindo a isenção das taxas de inscrição. Infelizmente, cerca de três mil delas tiveram o pedido indeferido pelo IPAD.  Com o prazo mínimo de recursos estabelecido, poucas puderam reaver a decisão a tempo.

Com a saída de Inocêncio Oliveira do páreo político, o prefeito Branquinho (PSB) poderá apoiar outro candidato. Já se falam até numa chapa completa, com Waldemar Borges para estadual e Danilo Cabral para federal. Ambos são do PSB.

Além de Bezerros, cinco cidades tiveram problema quanto à distribuição do leite do programa estadual Leite de Todos. A informação é de o laticínio responsável teria quebrado contrato com o estado deixando as cidades descobertas. Em Bezerros, as associações lamentam a falta do produto.

O senador Armando Monteiro (PTB), pré-candidato ao governo do Estado, tem abonado algumas fichas de filiação de lideranças importantes. Contudo, ainda não foi noticiada qualquer filiação da ex-prefeita Bete(sem partido), já que há uma expectativa de que ela o apoie para Governador.

O secretário de Infraestrutura, Josevânio de Miranda, pretenderepor material ( pissarro) em diversas ruas intransitáveis. Uma retroescavadeira do Estado, que tombou no Sítio dos Remédios, já foi recuperada e será utilizada nesse trabalho.

Share

Leave a Reply