DOS BASTIDORES DA POLÍTICA DE BEZERROS

RESUMO POLÍTICO

ASSERTIVAS

Discreto, o prefeito Branquinho (PSB) vem dando uma verdadeira aula política. Ainda no primeiro ano de governo, tomou medidas que surtirão efeito junto a população mais adiante. O concurso público, por exemplo, gera satisfação geral pelo simples fato de oferecer oportunidade. Chegará a prefeitura por merecimento e não por escolha e isso representa justiça junto a opinião pública. Medida que o governo da ex-prefeita Bete não teve coragem de fazer, talvez por analisar erroneamente que  500 ou 700 contratados representavam um grande apoio político. O desafio do prefeito, após a realização do concurso, será a atualização do PCC, pois isso representa satisfação junto ao funcionalismo, segmento que precisa ser reconhecido, uma vez que passa por ele os serviços oferecidos à população. Funcionário valorizado renderá muito mais e o prefeito só colherá bônus disso tudo.

Alguns percalços no início dessa gestão tendem a se resolver, pelo menos é a expectativa, até porque não passam despercebidos pelo gestor, que sempre analisa que há algo por fazer  e é ponderado quando julga sua própria gestão, “nem ótima nem péssima, mas regular”, como disse em entrevista. Um comportamento que deveria ser  seguido por algumas pessoas do governo, que, embora bem intencionadas, acabam dando bola fora quando tecem super elogios, sem necessidade.  A autocrítica é importante, porque ela ajuda  a primorar as ações.

BEZERROS NO MAPA

Procurar Bezerros no sistema de mapas do Google era uma tarefa até vexatória para os bezerrenses, porque a ferramenta de busca direcionava o internuata para um bairro de Garanhuns. O fato mereceu destaque no bezerroshoje, por representar dano a imagem do município, pois a internet é um meio indispensável para a busca de roteiros de viagens e pesquisas. Como explicar que a cidade referência na gastronomia, na arte e cultura não era se quer encontrada na rede mundial dos computadores? Logo o veículo fez a denúncia e ofereceu aos internautas links para que fizessem reclamação diretamente ao Google. Para a nossa surpresa e alegria o problema foi resolvido.  São fatos como esse que mostram a nossa linha propositiva de fazer imprensa, defendo os interesses do município.

OS DESACREDITADOS

Já expomos aqui a nossa visão sobre o concurso público de Bezerros, que representa grande oportunidade para as pessoas que estudam e buscam estabilidade no serviço público. Contudo, não é difícil observar opiniões duvidosas em relação ao certame, o que deve levar algumas dezenas ou centenas de pessoas a não acreditar no processo. Em 2004, muitos foram levados pelos desacreditados e perderam a excelente oportunidade.

REALIDADE

O concurso de Bezerros escancara de forma oficial a defasagem salarial de todas as categorias de trabalhadores, com proventos praticamente igualados ao mínimo. Podemos destacar, como exemplo, os cargos de Psicólogo: 800 reais, Enfermeiro: 1.000 reais e Agente de Saúde 950 reais. Categorias como: motoristas, pedreiros, auxiliar administrativo, serviços gerais, vigilantes, coveiros, entre outro, todos igualados ao mínimo, ou seja, 678 reais.

PORTAL

O secretário de Turismo Breno Borba comemora o projeto de construção de um portal de entrada para a cidade. Segundo ele, o mesmo foi pleiteado junto ao Governo do Estado e deve ser uma realidade muito em breve. A sua construção será na principal entrada, próximo ao viaduto da COHAB. Bezerros, aliás, precisa de melhor sinalização turística ao longo da BR-232. Precisamos explorar mais as nossa referências culturais, turisticas e gastronômicas.

IMPORTANTE

O PROERD é exemplo de programa que tem eficácia no distanciamento do jovem ao mundo das drogas. O programa ainda ajuda a quebrar a imagem de que a polícia é apenas repressora e deve contribuir com o programa Pacto Pela Vida municipal, que visa a diminuição da violência no âmbito municipal.

RECORDANDO

As inscrições do concurso de Bezerros mostra a capacidade da empresa em realizar o certame. Em 2004, os candidatos tinham que se inscrever pessoalmente, enfrentando longas filas no CEMAIC. Muitos candidatos de outras cidades demonstraram certa indignação com aquele processo. Felizmente, tudo deu certo e Bezerros avançou muito após a realização do concurso no governo do ex-prefeito Samuel Domingos. Muitos embates foram travados com a sua gestão, altamente tolerante as críticas da imprensa local.

CURTAS

O desafio do governo Branquinho após a realização do concurso será, sem dúvida, a valorização do servidor de Bezerros, esquecido durante os últimos anos. Tal valorização passa pela atualização do Plano de Cargos e Carreiras e salários- PCC.

Por falta de público, o evento programado para acontecer na noite da sexta-feira (6) no Clube Literário precisou ser cancelado.

Instituir no legislativo municipal a Tribuna Popular será um dos grandes feitos da atual legislatura. O povo precisa retonar a sua casa.

As grades de proteção proporcionaram melhor organização do desfile de 7 de Setembro em Bezerros. As escolas puderam evoluir em um espaço determinado pelos organizadores. Muito positivo!

O prefeito Branquinho (PSB) também não se discuida em acomodar a grande base política que o elegeu. Uma aula importante na questão de sutentabilidade do governo.

Uma pena que o governo não tem incluído no concurso os cargos de Agentes de Trânsito e Guarda Municipal. Uma fonte garante que mais adiante tais segmentos serão submetidos a concurso. Importante!

Share

Deixe uma resposta