Presidente do COMDICA fala sobre a política de gênero na eleição para o Conselho Tutelar de Bezerros

A reportagem ouviu Rejane Vasconcelos, presidente do COMDICA, sobre o impasse da representação mínima de gênero no Conselho Tutelar de Bezerros.

REDAÇÃO: Já há algum posicionamento a respeito?

REJANE – Ainda não, meu querido! Precisamos primeiro nos reunir com o Conselho, porque é uma lei que é do estado e que o município deveria ter colocado em sua lei municipal e não foi colocado, foi colocado apenas no edital. Há um termo de acordo na verdade entre o poder público e os candidatos e agora o próximo passo é se sentar com a comissão, até o dia 10 de janeiro, para elaborar um parecer e levar ao Ministério Público que deve analisar junto a lei maior que é a lei federal.

Share

Os comentários estão desativados.