Prefeitura de Bezerros irá realizar Recadastramento Imobiliário no município

Uma soma de tecnologias vem influenciando o incremento de receitas tributárias nos municípios que se utilizam das inovações oferecidas. Pensando nisso, o Cadastrando Bezerros é um projeto da Prefeitura que vai atualizar informações cadastrais de todos os imóveis da cidade. O trabalho será executado pela empresa Tributus, em parceria com a Secretaria Municipal de Administração e Finanças e a Superintendência de Urbanismo. O grande objetivo é aprimorar o cadastro com ênfase nos dados tributários aplicados no cálculo do IPTU – Imposto Predial e Territorial Urbano.

Desta forma, aconteceu, na manhã desta quarta-feira (8), o lançamento do projeto de Recadastramento Imobiliário do município. A reunião de partida ocorreu no Centro de Artesanato de Pernambuco e contou com a presença do prefeito em exercício, Breno Borba, da secretária de Administração e Finanças, Paula Yonara; do diretor da Tributus Informática, Luiz Malheiros; do diretor de Tributos do município, Edvan Silva; do vereador Eliel Vieira, do representante da Polícia Militar, Major Gledson, além de secretários, coordenadores e diretores municipais, empresários e arquitetos da região.

Qual a necessidade de realizar o Recadastramento Imobiliário?

O cadastro imobiliário não era atualizado há 13 anos (desde 2005), portanto, a gestão precisa conhecer melhor o município que cresceu muito nos últimos anos.  Assim, a Prefeitura de Bezerros terá subsídios para investir em segmentos como obras, saneamento, meio ambiente, segurança pública, saúde e educação, entre outros.

Quais os benefícios trazidos para a população?

– Regularização cadastral: os imóveis passarão a ser cadastrados com informações atuais precisas sobre tamanho e quantidade de moradores de cada residência.

 – Planejamento urbano: a administração municipal poderá melhor planejar serviços urbanos e de infraestrutura necessários na cidade, além de utilizar as informações para outros fins importantes.

Como é feito o recadastramento?

A partir de imagens orbitais e aéreas (drones), um grupo de fotointérpretes (profissionais de cadastro) captam os principais dados cadastrais utilizados para geração do IPTU. Após esta primeira etapa, agentes credenciados da Tributus – empresa contratada para executar os serviços – vão visitar as casas para coletar dados sobre os imóveis e seus proprietários. Eles também fazem o registro fotográfico das fachadas dos imóveis. É necessário ressaltar que estes profissionais, devidamente treinados, estarão rigorosamente caracterizados com farda e crachá ilustrados pela logomarca oficial Cadastrando Bezerros, e não será necessário entrar nas residências para realizar a entrevista com o morador.

Porque o recadastramento será realizado pela Tributus?

A empresa Tributus, localizada na região do Porto Digital de Recife, em Pernambuco, foi a vencedora do processo licitatório nº 056/2018 para prestação de serviços especializados em Recadastramento Imobiliário por Geoprocessamento em Bezerros.

Qual o prazo estipulado para a conclusão do projeto?

Estima-se que até abril de 2019 o recadastramento será concluído. As etapas da execução serão acompanhadas e divulgadas nos principais canais de comunicação de Bezerros (rádios, site oficial www.prefeituradebezerros.com.br e demais sites da cidade, além da página no Facebook –  Prefeitura de Bezerros.

De acordo com a secretária de Adm. e Finanças, Paula Yonara, as atualizações cadastrais são de extrema importância para a comunicação e prestação de serviços ao cidadão. “Com a atualização, nós conseguiremos obter e receber informações que refletem melhor a realidade do município, podendo, desta forma, manter um canal de comunicação mais efetivo com o contribuinte”, afirmou. Vale lembrar ainda que o projeto não mudará as normas tributárias, nem tampouco irá alterar nenhum método de cálculo.

Share

Os comentários estão desativados.