Dos Bastidores da Política de Bezerros

A redação estava devendo a coluna política semanal.

FRIA

A campanha política em Bezerros continua fria para a disputa à prefeitura de Bezerros. O clima é bom para o prefeito Breno Borba (PSB), pois tem a seu favor a força da máquina administrativa nos quatro cantos do município. É normal se esperar que a oposição seja mais barulhenta, mas as estratégias dos candidatos fogem do tradicional.

INDEFERIMENTOS

Cinco vereadores candidatos a reeleição tiveram seus registros de candidaturas negados pela Justiça Eleitoral de Bezerros. Se levou em conta, dentre outras questões, as irregularidades na prestação de contas do uso de verbas indenizatórias. Os indeferimentos cabem recursos e podem ser reconsiderados após pagamento de multas e restituições. Lendo a sentença do juiz, o eleitor pode fazer sua própria interpretação quanto a seriedade das acusações individualizadas. Há, como afirma a justiça, reincidência nos atos sobre as prestações de contas irregulares dos vereadores.

REVOLUÇÃO SILENCIOSA ?

A candidata do DEM à prefeitura de Bezerros, Luciele Laurentino, disse, em live, que vai continuar sem promover atos públicos em respeito às normas de enfrentamento a Covid-19. Luciele diz acreditar na revolução silenciosa do eleitorado. A posição assumida é corajosa porque foge à tradicional disputa política, quando parte do eleitorado costuma analisar os atos políticos para definir o seu voto. A candidata faz campanha visitando comunidades tanto na zona urbana quanto na zona rural.

PLANOS NO GUIA

O candidato do MDB à prefeitura de Bezerros tem aproveitado o seu guia de rádio para explorar pontos do seu programa d governo. Os programas de Gabeira, que conta com 1min e 50seg, foram inéditos desde o início da propaganda eleitoral. Luciele, com 2min e 50 seg, manteve o programa de apresentação em sucessivos programas; já o guia do prefeito, por ter maior tempo (5min), pode incrementar mais depoimentos e diálogos.

NÃO HÁ EXPLICAÇÃO

As aglomerações voltaram a acontecer há mais de um mês na praias e agora em atos políticos em muitas cidades. Como explicar os casos de contaminações caindo quando deveria se dá o contrário? Não há explicação técnica para isso porque vai de encontro a lógica. A população começa a assimilar que, mesmo a doença matando muita gente, o ato do isolamento social parece ter sido mais danoso. Só para citar um exemplo próximo, as aglomerações em Sairé, por conta da disputa eleitoral, nada interferiu nos números de Covid-19 no município.

CONFUSÃO

O PSB de Bezerros divulgou nota anunciando a expulsão o vereador Luiz Carlos por ter declarado apoio ao candidato da oposição Gabeira (MDB). Um áudio do ex-prefeito Marcone rolou nos grupos e provocou polêmica ao sentenciar que o caso se compara ao do ex-vereador Milson, que foi candidato e teve votos invalidados. Ele se referia a sentença de indeferimento do pedido de registro de candidatura e não do caso de infidelidade partidária. Este ainda dará “pano pra manga’. Em réplica, o vereador disse que tem sido alvo de pessoa raivosa. O vereador, na verdade, deu seu grito de independência por conta do tratamento político diferenciado do grupo ao seu concorrente na comunidade de Sapucarana, o candidato Levi.

DEBATE?

As redes sociais voltaram a pedir um debate entre os prefeituráveis. É esse o sentimento que impera em Bezerros, mas a sua realização não depende dos candidatos e sim da imprensa ou de alguma entidade. O site Bezerros Hoje também vem sendo cobrado por seus internautas a realização de um encontro e admite a possibilidade, mas nada ainda concreto. Os eleitores, por enquanto, devem atentar sobre o que cada candidato representa. É bom lembrar que a disputa para o legislativo pede a mesma atenção que a eleição de prefeito.

CURTAS

Sem citar nomes, o vereador Didiu da Laranja não gostou da publicidade feita pelo site sobre o indeferimento de registro de candidatura.

O vereador precisa aprender que o cargo que ocupa é de interesse público e os atos correlatos também.

Foi baseado no ataque velado do vereador que a redação resolveu publicar na íntegra as implicações de todos vereadores que tiveram seus registros de candidaturas negados. Sempre lembrabdo que os mesmos já recorreram.

O debate pode continuar se os ataques às reportagens continuarem. Há um fardo material grave a ser esmiuçado. A redação julga que as divulgações já atenderam o interesse do público leitor.

O MDB já pediu a justiça eleitoral a substituição do nome do vereador Boi Gordo pelo seu filho, que vai disputar a vereança em seu lugar. Disputar sub judice seria menos aconselhável. A objetividade na política exige decisões corajosas.

A briga no PSB foi bom para o candidato a prefeito Gabeira (MDB), que passa a ter uma base política na comunidade de Sapucarana.

Circula nas cidades da região duas versões de pesquisas tendo como fonte um suposto instituto de pesquisa de nome Metadados. Fake puro!

Nathan de Demir, Walmir Neto e Nathan Wesly são três jovens promissores na política. Mas apenas o Nathan Wesly é o protagonista de sua postulação à Câmara de Vereadores. Os demais contam com a força política dos pais.

Share

Os comentários estão desativados.