BEZERROS ENTRE OS MUNICÍPIOS QUE DEVEM AJUSTAR FOLHA PARA CUMPRIR LRF

No litoral Norte do estado, o prefeito do município de Igarassu, Mário Ricardo Lopes (PTB), decidiu tomar uma decisão drástica, ontem, para começar 2015 em dia com a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Ele exonerou 17 titulares das secretarias e criou um grupo de trabalho para estudar uma reforma administrativa, enxugar as pastas e o número de cargos comissionados. A medida aparentemente impopular tem uma razão constitucional: a receita corrente da cidade é de R$ 143,6 milhões, mas 66,62% está comprometida com folha de pagamento, o que vedado pela LRF.

MUNICÍPIOSGASTOS COM PESSOAL
(% EM RELAÇÃO À RECEITA CORRENTE LÍQUIDA
Altinho61,62%
Belo Jardim65,75%
Bezerros61,05%
Carpina63,52%
Chã Grande61,25%
Condado63,99%
Cupira77,95%
Escada75,66%
Glória de Goitá65,15%
Gravatá67,03%
Igarassu66,62%
Itamaracá62,13%
Itambé68,30%
Itapissuma61,71%
Lagoa do Carro64,81%
Lajedo60,93%
Limoeiro61,80%
Macaparana66,00%
Maraial64,53%
Moreilândia70,74%
Moreno69,51%
Nazaré da Mata76,31%
Orobó66,83%
Orocó67,66%
Parnamirim66,46%
Pedra67,76%
Pesqueira60,76%
Rio Formoso63,68%
Sairé66,23%
Saloá68,71%
Sanharó61,69%
Santa Cruz da Baixa Verde61,77%
Santa Maria da Boa Vista60,03%
Sirinhaém67,64%
Taquaritinga do Norte67,59%
Trindade67,67%
Fonte: Tribunal de Contas do Estado
Share

Deixe uma resposta