SABER COMPREENDER A AÇÃO DO TEMPO

Em meio ao nosso cotidiano de buscas e desejos somos guiados na maioria das vezes por um senso de urgência, de imediatismo, por querermos que as coisas se encaminhem logo, que os dilemas se resolvam logo, que os nossos esforços surtam efeito rapidamente, que as sementes que plantamos germinem praticamente de um dia para o outro, e que os frutos cresçam e amadureçam tão logo as sementes germinem. Temos pressa, pressa por respostas, urgência por resultados, estamos sempre apressados para chegarmos naquilo que criamos expectativas positivas de realização. O problema é que o tempo sempre vai fazer parte dessas expectativas, e compreender como ele age diante das nossas perspectivas é crucial, pois durante o percurso da ação do tempo muita coisa que não premeditamos ocorre. Geralmente quando almejamos algo, ou quando necessitamos de uma determinada coisa, ou quando queremos acertar um determinado alvo, escolhemos um caminho, às vezes traçamos metas, noutras promovemos algumas mudanças, seja de atitudes ou de roteiro, iniciamos trilhas, e nos empenhamos muito para que tais resultados se concretizem. Todavia é necessário compreendermos com paciência e resignação o tempo que o tempo precisa levar para nos mostrar futuros cenários e novos resultados. É preciso sempre agir com paciência.
A palavra para hoje é ESPERAR.

Share

Os comentários estão desativados.