PT pede revogação de decreto do município que demitiu funcionários

PT – PARTIDO DOS TRABALHADORES DE BEZERROS – PE

A direção do Partido dos Trabalhadores de Bezerros vem através desta, externar grande preocupação com a atual situação em que se encontra o nosso país, estado e principalmente nosso município; também vítima desta pandemia que vem causando transtornos de desenvolvimento econômico/social.

Os trabalhadores são as maiores riquezas de uma nação. Vendo que sem eles, não existe: agricultura, indústria, comércio e afins. Assim, é preciso utilizar todas as armas no combate ao COVID-19. Dando prioridade as pessoas que estão na linha de frente e seus familiares. Há uma grande preocupação com o número de demissões das pessoas que prestavam serviço a população de Bezerros. Vendo que a situação é crítica para todas as prefeituras com a economia bruscamente afetada. Cabe então ao governo buscar uma saída juntamente ao governo do estado e federal, uma saída que garanta aos trabalhadores suas ocupações e manutenção de suas sagradas famílias. Neste momento, o PT de Bezerros se solidariza com os/as trabalhadores/as contratados de forma geral. PEDIMOS A REVOGAÇÃO DO DECRETO 2335/2020. E DIZEMOS NÃO ÀS DEMISSÕES E AO CORTE DE SALÁRIOS!

Sabemos que o governo federal/estadual vem disponibilizando recursos dos seus cofres aos municípios, através de suspensão de cobranças tributárias, como também empréstimos aos municípios. Portanto é necessária uma economia de guerra na tentativa de evitar o máximo às demissões. Temos vários exemplos de ações positivas em várias cidades. Entre elas, gastos com obras que não são essenciais, compras, novos contratos, aumento de salários, e podendo ainda reduzir os valores repassados para o legislativo, redução nas gratificações e os salários dos executivos. Todos os esforços devem ser feitos na busca de não haver demissões. A posição aqui apresentada é o sentimento de todos nós que fazemos o partido dos trabalhadores. Cujo foco mais importante é o trabalhador. É hora de salvar vidas não de tirar direitos!

Atenciosamente,
Partido dos Trabalhadores de Bezerros

Share

Os comentários estão desativados.